#Cristiano Ronaldo está novamente no topo do mundo. Depois de um início de temporada muito complicado, com castigos e poucos gols, o craque está de regresso para seu melhor nível: ele já é o melhor marcador da Champions e no final de semana fez dois gols contra o Sevilha, o seu melhor registro da temporada no campeonato.

Para melhorar mais ainda seu ânimo, ele ganhou sua quinta Bola de Ouro, igualando #messi, que também tem cinco. No entanto, e apesar de ter igualado o argentino, Cristiano teve algumas declarações polêmicas para a revista France Football, onde ele se assumia como melhor que Messi e melhor que todos.

Por alcançar cinco Bolas de Ouro, o que só Messi havia conseguido, Cristiano Ronaldo disse ser ele o "jogador mais completo de sempre", e mesmo "o melhor jogador da história".

As declarações foram escutadas por todos e, enquanto uns falam que ele é arrogante por se achar melhor que Pelé, Maradona e até Messi, outros concordam e até elogiam a confiança do astro português. Na verdade, esta é a sua opinião, com a qual se pode ou não concordar.

O jogador é bem conhecido por ser muito confiante e sempre se achar capaz de superar desafios, mesmo quando todos acham impossíveis. Por isso, não é incomum que sua moral esteja bem lá em cima. Não em vão, depois de chegar a Leo Messi no pódio do troféu de prestígio que dá a revista France Football. Na entrevista para a revista que o premiou, o craque disse estar acima do brasileiro Pelé, do argentino Diego Armando Maradona, do holandês Johan Cruyff ou da lenda do #Real Madrid Alfredo di Stéfano.

Estrela do Real dá alfinetada em Ronaldo

Quem não achou a menor graça a essa atitude de Cristiano Ronaldo foi uma das antigas estrelas do Real Madrid, Jorge Valdano.

O antigo jogador, treinador e secretário técnico do Real disparou contra Cristiano Ronaldo [VIDEO]. "Ele é o ego mais lucrativo da história do futebol", disse ele em declarações ao jornal argentino Onda Cero. Apesar do comentário rápido no gatilho, Valdano também se apressou em contemporizar um pouco seu ataque, dizendo que essa característica favorece o português.

"Ele tem uma autoconfiança extraordinária", revelou Jorge Valdano, dizendo que foi muito por essa confiança que ele conseguiu se superar e conquistar tudo o que ele já ganhou. "Há pessoas que ficam confusas com seu ego, mas ele o trabalha todas as semanas", completou Valdano, tentando passar a ideia de que Cristiano tem motivos para se achar muito bom, porque na verdade ele o é e trabalha sempre para isso.

E o leitor, o que pensa desse ego de Cristiano Ronaldo? É exagerado? Ou ele pode mesmo se achar o melhor jogador da história? Deixe seu comentário!