O Palmeiras está pensando em 2018. Apesar de disputar a última rodada do Campeonato Brasileiro no próximo domingo contra o Atlético Paranaense fora de casa, o Verdão busca planejar com mais coerência a próxima temporada.

Por enquanto foram três reforços confirmados: o zagueiro Emerson Santos, do Botafogo-RJ, o lateral-esquerdo Diogo Barbosa, do Cruzeiro e o meia atacante Lucas Lima, do Santos. Os três jogadores já foram confirmados de forma oficial pelo site do clube e iniciam a pré-temporada em janeiro, provavelmente no interior de São Paulo.

O executivo Alexandre Mattos foi muito cobrado pela falta de resultados em 2017.

Em dado momento recebeu até ameaças de morte de torcedores não identificados. Além de toda turbulência no âmbito profissional, ainda perdeu pai e teve que superar rapidamente.

Maurício Galiotte, presidente do clube, sofre pressão natural por ser o primeiro ano da gestão. Mesmo encontrando o clube muito bem financeiramente, teve que contornar algumas situações. Se aproximou ainda mais da Crefisa/FAM e também da WTorre que, atualmente, comanda as ações do Allianz Parque.

Novo atacante perto!

Mesmo [VIDEO] bem servido de atacantes, o Palmeiras quer mais um. E quem revelou a informação foi o competente repórter da Rede Globo, Tino Marcos. Tino confirmou que o Verdão está bem próximo de fechar com Ricardo Goulart, do Guanghzou, da China.

O jogador foi negociado pelo Cruzeiro com o Futebol asiático por incríveis R$ 48 milhões.

Teve uma boa passagem por lá, mas os chineses esperavam um pouco mais do atleta. Ele já revelou há um tempo atrás que Mattos o procurou e até bases salariais tinham sido acertadas, mas as coisas não caminharam.

Os valores da negociação não foram informados. O Verdão, com a ajuda da Crefisa, não tem problemas em oferecer valores maiores do que o padrão do futebol brasileiro. Com Lucas Lima, por exemplo, o clube não teve custos com transferências, mas teve com luvas: o meia vai pegar mais de R$ 11 milhões na mão.

Vem mais reforços por aí!

Mesmo com elenco recheado de jogadores, o Palmeiras deve confirmar pelo menos mais dois reforços em dezembro. Além de Ricardo Goulart, o clube vai intensificar as buscas por um lateral-direito e pelo menos mais um meia-atacante. Os nomes, no entanto, não foram revelados.

Rafinha, do Bayern de Munique, interessa muito, mas é considerado muito difícil. O jogador quer permanecer na Alemanha e só viria para o Brasil por uma enorme compensação financeira.