O Palmeiras precisou das cobranças de pênaltis para vencer o Corinthians e ficar com o título da edição 2017 da Copa do Brasil Sub-17 em jogo ocorrido nesta quinta-feira (30 de novembro), realizado no Pacaembu, em São Paulo. Foi o segundo jogo válido pela decisão do torneio nacional.

No tempo normal, o Corinthians venceu por 1 a 0. O gol da vitória corintiana foi marcado por Mascarenhas. Como na partida de ida, disputada na Arena Corinthians, o Palmeiras saiu com a vitória também pelo placar de 1 a 0, o resultado motivou a disputa por pênaltis.

Publicidade
Publicidade

Foi também o término da invencibilidade do time alviverde no torneio nacional, depois de seis vitórias e dois empates

Foi o primeiro título do Palmeiras na Copa do Brasil Sub-17.

O jogo

Precisando da vitória, o Corinthians teve a melhor chance de gol no primeiro tempo. Lucas Piton escapou pela esquerda e acertou um chute cruzado para a defesa do goleiro palmeirense Magrão. No rebote da defesa de Magrão e com liberdade para chutar, Giovanny chutou para fora, numa incrível chance desperdiçada de gol.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Palmeiras Corinthians

Enquanto o Palmeiras, mesmo com a chance corintiana desperdiçada, tentava usar da boa vantagem que tinha do primeiro jogo e ter o jogo controlado, liderado e conduzido pelas boas jogadas do meia Alan, destaque técnico do time sub-17 do Verdão, além da boa atuação do meio-campista Patrick.

Jogo do Palmeiras tentando ser controlado, placar mudado aos 24 minutos do segundo tempo. Após longo lançamento do zagueiro Ronald, a zaga palmeirense não cortou e Vitinho recebeu o lançamento, dando andamento a jogada num cruzamento certeiro para Mascarenhas, que tinha acabado de entrar na partida, entrar livre e concluir de maneira certeira para o gol, o único da partida no tempo normal.

Publicidade

O Corinthians ainda tentou pressionar, as duas equipes chegaram a ter importantes chances (pelo menos uma para cada), mas o placar permaneceu no 1 a 0 para o Corinthians.

Antes do término do tempo normal e pensando na disputa de pênaltis, o técnico do Palmeiras Artur Itiro fez uma interessante substituição: substituiu o goleiro titular Magrão pelo reserva Lucas Bergantin.

A estratégia deu resultado, visto a decisiva participação de Bergantin, ao defender as penalidades cobradas pelos corintianos Ronald e Piracicaba.

Pelo Palmeiras, o paraguaio Anibal errou, porém Alan, Patrick, Luan e Esteves acertaram as demais cobranças do lado palmeirense. Pelo lado corintiano, Vitinho, Mascarenhas e Giovanny marcaram, mas os dois erros nos pênaltis para o time alvinegro pesaram. No fim, vitória alviverde nos pênaltis por 4 a 3 e título inédito.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo