O próximo mercado de transferências reabre em poucos dias, e esse 3 a 0 do Barcelona [VIDEO]no Santiago Bernabéu vai obrigar o time de Madri a abrir a porta a novas inscrições. O Real não vai bem, e o campeonato parece cada vez mais difícil. No entanto, a equipe de Zidane sabe que ainda tem muita temporada pela frente. Afinal, mesmo que eles não ganhem o Espanhol, eles têm ainda outros objetivos, que passam por ganhar a Copa da Espanha e a Champions.

A Champions também poderia não estar assim tão fácil. Para seguir em frente, nas oitavas-de-final, o Real Madrid vai [VIDEO] encontrar o PSG, um dos times mais em forma. No entanto, o Real é um campeão europeu em título e eles vão fazer de tudo para revalidarem essa grande conquista.

Mas, para isso, eles acreditam que vão precisar de reforços, uma vez que essa equipe que perdeu inapelavelmente contra o Barcelona vai precisar de muito mais para terem sucesso na Europa.

O ano de 2017 foi o melhor que qualquer seguidor do Real Madrid poderia imaginar, mas as coisas não terminaram nada bem. A verdade é que durante o ano, eles conquistaram tudo, desde o campeonato, Champions e agora até o campeonato do mundo de clubes. No entanto, todas essas conquistas quase dizem respeito para a temporada anterior. Essa agora não arrancou nada bem e o time parece longe de sua melhor forma.

Cristiano Ronaldo e Benzema estão com dificuldades para finalizarem, o que é completamente inesperado para dois atacantes de sua qualidade, mas a verdade é que tudo vai mal no time e Zidane já está sendo contestado.

Para agravar mais a crise de um time que tem 14 pontos de desvantagem (com menos um jogo) para o líder Barcelona e que está afundado no quarto lugar do Espanhol, o ano termina com uma derrota humilhante contra o grande rival, o Barcelona.

Os catalães tiveram a missão de detonar o pouco que restava da paciência dos torcedores merengues, deixando seu rival mais próximo praticamente morto na liga, e colocou a equipe com mais dificuldades ainda. Alguns torcedores até já pedem a cabeça de Zidane, mas Florentino Pérez terá ainda muito que decidir nos próximos dias, mas tudo indica que algumas cabeças vão mesmo rolar.

Cinco jogadores em risco

Depois de ganhar três Copas Europeias nos últimos quatro anos, a teoria da complacência se une a uma verdade perigosa: muitos dos jogadores que são a espinha dorsal atual do Real Madrid superam 30 anos e, em alguns casos, eles têm quase uma década no clube. Tempo suficiente para fazer pensar que o seu melhor já passou. Os casos mais flagrantes são os de Karim Benzema, que continua desconectado com o gol.

Também Marcelo está a anos-luz do valor que todos lhe conhecem e até o capitão Sergio Ramos não se livra das críticas. Ramos esteve novamente muito perto da expulsão, no encontro contra o Barça, após uma agressão a Suarez, que o árbitro não interpretou dessa forma. O jogador está falhando mais nos cortes, é grosseiro em faltas e sem ideias na saída da bola.

De acordo com o site Don Balón, esses três nomes poderiam se juntar a Toni Kroos ou Casemiro, dois jogadores que não estão apresentando sua melhor versão para a equipe nesta temporada. No fundo, são cinco craques que estão longe de render o seu melhor e poderiam mesmo estar de saída.

Cristiano Ronaldo também está longe de seu melhor, mas no português ninguém tem dúvidas. Todos sabem que, a qualquer momento, ele se vai reencontrar com o gol, e continuar brilhando como ele sempre fez. Apesar de tudo, em Cristiano todos confiam. Muito menos confiança, os responsáveis de Madri têm nesses outros cinco titulares e até em Zidane.