Ainda sob o protesto de grande parte da torcida por conta da dispensa de oito jogadores da última quinta, o Fluminense [VIDEO] teve um penúltimo dia de 2017 voltado para o mercado. Neste sábado, o Tricolor deixou bem encaminhada a renovação do contrato do zagueiro Gum. Único remanescente do período em que o clube tinha a parceria com a empresa médica Unimed, o defensor, duas vezes campeão brasileiro (2010 e 2012) e admirado pelos tricolores por sua vontade dentro de campo, aceitou a proposta de redução de salários e firmará, na semana que vem, um vínculo até o final de 2020.

"O Fluminense tomou várias medidas em relação aos seus jogadores recentemente e o Gum ficou muito feliz por ter sido procurado pra renovar com o clube.

Nós teremos uma reunião na quarta ou quinta-feira com o presidente Pedro Abad. O que está definido é que o Gum permanece", declarou Jorge Macedo, empresário do atleta, ao Esporte Interativo.

No Flu desde 2009, Gum é visto, pela diretoria e comissão técnica, como peça primordial para o grupo, especialmente após a saída de Henrique, que está em vias de acertar com o Corinthians. Além do camisa 3, o setor defensivo da equipe carioca conta, no momento, com Reginaldo e Renato Chaves.

Essa lista pode aumentar. Segundo o jornalista Gérson Júnior, da Rádio Brasil, postou em seu Twitter, o Fluminense [VIDEO] tem interesse na contratação de Cléber Reis, jogador vinculado ao Santos, mas que, no Campeonato Brasileiro de 2017, atuou emprestado pelo Coritiba. Paulista de Jundiaí, ele também tem passagens por Catanduvense, Ponte Preta , Corinthians e Hamburgo, da Alemanha.

Durante as últimas eleições para presidente do clube, o então candidato Celso Barros havia prometido que, caso fosse eleito, o zagueiro seria um dos reforços contratados.

Quem também tem chances de aparecer é Douglas Friedrich. Goleiro de 29 anos, ele se destacou pelo Avaí na última temporada, mas tem os direitos federativos presos ao Corinthians e seria uma exigência do Fluminense para liberar o zagueiro Henrique ao time paulista.

Até o momento, as únicas contratações acertadas pelo time das Laranjeiras foram o lateral-direito Gilberto (ex-Vasco) e o volante Jádson (Ex-Botafogo e Ponte Preta).

O Fluminense se reapresenta na manhã da próxima quarta. Ao chegarem no CT Pedro Antônio, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio, os jogadores farão os tradicionais exames médicos e testes de avaliação física. No dia seguinte, haverá o embarque para a pré-temporada nos Estados Unidos. Por lá, a agremiação das Laranjeiras também disputará a Florida Cup, enfrentando o PSV Eindhoven, da Holanda no dia 12 de janeiro e, três dias depois, o Barcelona de Guayaquil, do Equador. A estreia oficial em 2018 acontecerá no dia 17 de janeiro contra o Boavista, no Elcyr Resende, em Bacaxá, distrito de Saquarema, pela abertura do Campeonato Carioca.