Além da confirmação de Paulo Autuori como gerente-executivo, o Fluminense ganhou duas boas notícias nesta segunda. Alvos de interesses de outras grandes equipes do futebol brasileiro e internacional, o volante Wendel e o meia Gustavo Scarpa devem, pelo menos, iniciar a próxima temporada nas Laranjeiras.

Wendel está alinhavado para jogar no Paris Saint-Germain. No entanto, em depoimento concedido à imprensa francesa, o diretor do clube da capital daquele país, Antero Henrique, revelou não ter pressa e que a negociação só será finalizada na abertura da segunda janela de transferências, em julho.

"Conhecemos o jogador e queremos concluir a transferência somente em julho.

Não há necessidade de gastar na janela de janeiro", frisou o dirigente.

Já Gustavo Scarpa é cobiçado por Corinthians [VIDEO], Palmeiras [VIDEO] e São Paulo. Os três paulistas chegaram a procurar o Tricolor e, além de uma compensação financeira, ofereceram ceder alguns jogadores. Essas ofertas, porém, não agradaram ao time carioca e, segundo informações de bastidores, a nova cúpula do futebol profissional irá fazer uma análise se vale ou não a pena negociar o camisa 10.

Revelados nas categorias de base do Fluminense, Wendel e Gustavo Scarpa se destacaram na última temporada e possíveis transferências seriam vistas de maneira positiva por parte do clube, que, desde o fim da parceria com a empresa médica Unimed, atravessa sérias dificuldades financeiras.

Ambos têm vínculos com o Fluminense até o final de 2020.

A multa rescisória do contrato de Wendel é estipulada em R$ 30 milhões, enquanto a do compromisso de Gustavo Scarpa vale R$ 35 milhões.

Outro jogador bastante valorizado no atual elenco é Henrique Dourado. Um dos artilheiros do recém-encerrado Campeonato Brasileiro com 18 gols ao lado de Jô, o centroavante faz parte da lista de possíveis reforços do Grêmio, especialmente após a saída do paraguaio Lucas Barríos e da indefinição sobre a permanência de Jael.

As férias do Fluminense [VIDEO] se encerram no dia 4 de janeiro. A reapresentação acontecerá pela manhã no CT Pedro Antônio, na Barra da Tijuca. No dia seguinte, os jogadores embarcam para a pré-temporada nos Estados Unidos. Durante a passagem por terras norte-americanas, o Tricolor enfrentará, no dia 12, o PSV Eindhven, da Holanda, e, no dia 15, o Barcelona de Guayaquil, do Equador, em partidas válidas pela Florida Cup.

A estreia oficial da agremiação das Laranjeiras na temporada que vem será no dia 17 de janeiro, no Elcyr Resende, em Bacaxá, distrito de Saquarema, contra o Boavista pela abertura do Campeonato Carioca.