No mercado para suprir a lacuna deixada no setor defensivo por conta da saída de Pablo, o Corinthians já escolheu o seu alvo: Henrique, capitão do Fluminense. Entretanto, além de o zagueiro ter contrato até dezembro do ano que vem, o fato de ele receber um alto vencimento nas Laranjeiras, totalizando o valor de R$ 492 mil mensais (R$ 480 mil de salário mais R$ 12 mil de auxílio-moradia) está dificultando a transferência do Rio para São Paulo.

Publicidade
Publicidade

Segundo informações do jornalista Jorge Nicola, do portal Yahoo e dos canais ESPN, a negociação só será sacramentada se o Fluminense arcar com parte dos salários a serem pagos pelo Corinthians. Nos bastidores, porém, há uma pressão de aliados para que o presidente da equipe carioca, Pedro Abad, não aceite essa oferta.

Do atual elenco corintiano, apenas o centroavante Jô, artilheiro do time na temporada, com R$ 525 mil mensais entre salários e luvas, supera Henrique, um dos três defensores mais bem pagos no território brasileiro.

Publicidade

Com passagens por Coritiba e Palmeiras, Henrique, que em 2014 integrou a seleção dirigida por Luís Felipe Scolari, quarta colocada na Copa do Mundo disputada no Brasil, desembarcou no Fluminense no início de 2016. Na ocasião, o Tricolor venceu a concorrência de Grêmio e Flamengo para tirar o jogador do Napoli, da Itália. No seu primeiro ano nas Laranjeiras, conquistou a Copa da Primeira Liga e assumiu o posto de um líderes do grupo, especialmente quando Fred, depois de sete temporadas, deixou o clube rumo ao Atlético-MG.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Corinthians PaixãoPorFutebol

Pelo Flu, Henrique já disputou 115 jogos e marcou quatro gols, o último deles na derrota de 3 a 1 para o Corinthians no último dia 15 de novembro, em São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro.

Com enfoques diferentes, Corinthians e Fluminense se despedem da temporada no domingo

Enquanto conversam nos bastidores, Corinthians e Fluminense se despedem da temporada no domingo, vivendo momentos totalmente distintos.

Já campeão, o Alvinegro de Parque São Jorge irá até a Ilha do Retiro, no Recife e, a partir das 17h (de Brasília), enfrentará, pela última rodada do Brasileirão, com os reservas, um Sport desesperado para fugir do rebaixamento.

No mesmo horário, o Tricolor Carioca, 14º colocado com 46 pontos e vivendo um período conturbado, especialmente após a divulgação de que o presidente Pedro Abad fornecia ingressos a membros de torcidas organizadas, tenta, ao menos, conquistar uma vaga na próxima Copa Sul-Americana.

Publicidade

Para isso, necessita somente de um empate diante do Atlético-GO no Estádio Olímpico de Goiânia.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo