Nesta terça-feira, o atacante #Neymar não participou do treino do Paris Saint-Germain. O motivo seria um problema de saúde.

Síndrome Viral

O #PSG divulgou um comunicado, avisando que o motivo do desfalque do atleta no time hoje, foi devido a uma "síndrome viral". O clube informou também que o goleiro Alphonse Areola não participou e também foi afetado pelo mesmo problema de saúde e assim, igualmente a Neymar, não participou do treino.

Jogadores foram escalados contra o CAEN

Aparentemente, a "síndrome viral" que acomete os atletas não é grave, pois ambos foram escalados pelo técnico Unai Emery para a partida da próxima quarta-feira (20/12), portanto, espera-se que os jogadores Neymar e Alphonse Areola se recuperem logo e entrem em campo normalmente no jogo contra o Caem.

Motivos pessoais já afastaram Neymar na semana passada. O jogador foi desfalque contra o Strasbourg

Neymar também ficou ausente dos treinos do clube francês na semana passada. De acordo com informações da rádio francesa RMC, o PSG liberou o jogador por três dias, para vir ao Brasil resolver assuntos pessoais.

Devido a essa viagem ao Brasil, Neymar não jogou na partida pela Copa da Liga Francesa na quarta-feira passada (13/12), contra o RC Strasbourg. No confronto, o PSG ganhou o Strasbourg por 4 a 2.

Depois da viagem, Neymar voltou aos campos no sábado (16), na partida contra o Rennes, pelo Campeonato Francês. O PSG venceu o Rennes por 4 a 1, sendo um gol marcado por Neymar.

PSG x Caen: jogadores suspensos

Neymar pode não ser desfalque na partida desta quarta-feira contra o Caen, mas o PSG terá outros jogadores que certamente não jogarão, pois estão suspensos.

Unai Emery terá que substituir o lateral-direito Daniel Alves, o zagueiro Kimpembe e o volante Verratti que sofreram suspensão.

Além desses três atletas, o técnico não poderá contar com os meio-campistas Rabiot e Ben Arfa que não poderão entrar em campo na partida de amanhã.

Craque já fez 16 gols

Atuando em 19 partidas no PSG, Neymar já marcou 16 gols. Com esses números, Neymar [VIDEO] ganha destaque e confirma seu espaço no esporte francês. Por exemplo, de acordo com opinião publicada no jornal esportivo francês, o L'Equipe, o atacante poderia ficar no Brasil por quantos dias se precisasse.

O #Futebol francês será interrompido dia 21 de dezembro para o tradicional recesso de celebrações de final de ano.

No dia 6 de janeiro, o PSG tem encontro [VIDEO] marcado contra o Rennes.