O Corinthians segue com seu planejamento para a próxima temporada. O clube analisa vários nomes no Mercado da bola e vai começar a fazer propostas, já que o intuito da diretoria alvinegra é formar seu elenco antecipadamente.

O clube do Parque São Jorge informou que será difícil trazer jogadores de peso [VIDEO], já que a atual situação financeira é complicada e o investimento em novas contratações não será muito alto. No momento, o Timão não está encontrando muita dificuldade no mercado da bola, pois a maioria dos clubes ainda não começou a fazer contratações, mas isso deve começar a acontecer devido ao término do Campeonato Brasileiro.

Para a próxima temporada, o Corinthians já está praticamente acertado com o atacante Júnior Dutra, do Avaí, e Renê Júnior, do Bahia. Ambos realizaram exames no CT Joaquim Grava e devem assinar com Timão nos próximos dias. A comissão técnica do Corinthians analisa com bons olhos a possibilidade de deixar o elenco completo [VIDEO] antes mesmo da temporada de 2018 começar, pois assim facilitaria o trabalho do técnico Fábio Carille em relação ao entrosamento da equipe.

Apesar de estar em busca de novos reforços, o Timão também está preocupado com possíveis perdas ainda neste ano. O zagueiro Balbuena e o atacante Jô são cogitados no Futebol europeu e podem deixar o clube.

Reforço de peso chegando?

Em busca de um zagueiro para preencher a vaga deixada por Pablo, o Corinthians foi questionado sobre a possibilidade de Leandro Castán reforçar o clube na próxima temporada.

Atualmente, ele está no Roma, da Itália, mas quer voltar a atuar no futebol brasileiro. Ciente da situação do jogador, o Timão não descarta a possibilidade de contratá-lo, mas vê o alto salário e a falta de ritmo de jogo como entraves na negociação.

Mesmo com essas dificuldades, o Corinthians não descarta a chance de começar a negociar oficialmente a contratação de Leandro Castán, já que o clube está em busca de jogadores mais experientes e quer um reforço para o setor defensivo.

Torcida opina sobre a possibilidade da contratação

"Castán, obrigado pelos serviços prestados no passado, mas não dá pra contratar só pelo nome. Não é mais o mesmo e ponto final. Que seja feliz em outro clube", disse esse torcedor, relembrando o período de sucesso do zagueiro quando atuou pelo Timão.

"Vão gastar praticamente o mesmo valor do Pablo. Castán é mais baixo e tem mais idade, enquanto Pablo já estava adaptado e jogando bem, inclusive tem condições físicas melhores", argumentou outro torcedor, comparando Leandro Castán a Pablo.