O #Palmeiras é o clube mais ativo do #Mercado da bola mesmo contratado menos do que o habitual. Desde que Alexandre Mattos foi contratado como executivo de #Futebol, o Verdão sempre foi o clube com o maior número de contratações entre os grandes.

Desde 2015, o Palmeiras já contratou mais de 100 jogadores, número bastante expressivo. Para 2018, no entanto, o Alviverde já contratou cinco jogadores e deve fechar o ciclo brevemente. A última semana do ano promete pelo menos um nome.

Segundo o site Globo Esporte, o Palmeiras deve anunciar até sexta-feira o lateral Marcos Rocha, do Atlético Mineiro. O atacante Roger Guedes deve vestir a camisa do time mineiro e o lateral defender o time de Palestra Itália.

O jogador já pediu até para deixar o Atlético em conversa com a diretoria, bastando somente o anúncio oficial para a negociação ser finalizada.

Outro jogador que pode ter seu futuro decidido é o atacante Ricardo Goulart. De férias no Brasil, Goulart tenta a sua rescisão no futebol chinês. Se conseguir [VIDEO] ficar livre, o atleta assinará com o Palmeiras. Mattos tem relacionamento muito próximo com o jogador e as conversas já estão avançadas.

As conversas com Gustavo Scarpa, do Fluminense, ainda existem, mas a possibilidade de fechar é remota. O time carioca aguardava por Roger Guedes, que não aceitou jogar no Rio de Janeiro. A negativa de Guedes tornou a negociação complexa e difícil, impedindo avanços. Galiotte não descartou, mas trata a contratação como 'muito difícil'.

Outro jogador que ficou bem distante de Palestra Itália foi o lateral Rafinha, do Bayern de Munique-Alemanha.

O jogador recebeu proposta irrecusável para seguir no time alemão e deve aceitar. A vontade ele era retornar para o Brasil, mas os valores envolvidos na negociação foram muito agradáveis.

O Palmeiras inicia sua caminhada no Campeonato Paulista no próximo dia 17 de janeiro contra o Santo André no Allianz Parque. Para o duelo, o técnico Roger Machado [VIDEO], que fará sua primeira partida no comando técnico palmeirense, deve promover a estreia do meia Lucas Lima, ex-Santos. De férias, Lima disse que nunca desrespeitou a torcida do Palmeiras e que brincadeiras e provocações fazem parte do futebol. O ex-santista aproveitou a acentuação da rivalidade na época para provocar os palmeirenses pelas redes sociais. Na decisão da Copa do Brasil de 2015, após perder o título, os palmeirenses deram o troco e aplaudiram o volante Matheus Salles por anular as ações do meia.