O Palmeiras está planejando o ano de 2018 e já deu andamento em vários assuntos. Um deles, e o mais importante, foi a escolha do novo treinador. Roger Machado, que passou por Grêmio e Atlético Mineiro, vai comandar o Verdão na próxima temporada.

A escolha, claro, não foi fácil. Maurício Galiotte, presidente do clube, foi muito pressionado para fechar com um comandante mais experiente. Abel Braga, do Fluminense, foi consultado, mas sinalizou com a renovação e a permanência no Rio de Janeiro.

Sem nomes importantes no mercado, Roger teve o perfil estudado e avaliado. Por ser novo e com ideias boas, foi contratado. A sua passagem marcante pelo Grêmio também foi um dos motivos. Foi Roger quem praticamente montou o elenco que foi Campeão da Copa Libertadores da América neste ano.

Nomes confirmados

Além do novo treinador, o Palmeiras já fechou com três reforços: Lucas Lima, do Santos, Emerson Santos, do Botafogo-RJ e Diogo Barbosa, do Cruzeiro.

Todos serão apresentados em janeiro e iniciarão a pré-temporada com todo o elenco.

O clube também negocia com outros dois jogadores. O goleiro Weverton, do Atlético Paranaense, está mais próximo de assinar. O time do Paraná, no entanto, quer um jogador e um valor em dinheiro para poder fazer a liberação antecipada. Weverton fica livre para assinar com qualquer clube e sem custos a partir do mês de maio.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Palmeiras

Outro nome especulado é Gustavo Scarpa, do Fluminense. O tricolor carioca quer três jogadores do Palmeiras para liberar o meio campista. Se confirmar a chegada de Scarpa, o Verdão terá três excelentes opções para formar o setor criativo: Lucas Lima, Moisés e Scarpa.

Propostas

Com uma boa quantidade de reforços, o Palmeiras precisa limpar seu elenco. Alguns jogadores já deixaram o clube, como o lateral Egídio e o volante Arouca.

Egídio voltou para o Cruzeiro e o volante foi emprestado para o Atlético Mineiro.

Erik, atacante que veio do Goiás por R$ 13 milhões, não vingou. Sem muitas oportunidades, o atacante pouco jogou e será negociado. Dois clubes do Rio de Janeiro fizeram propostas e já brigam de forma oficial pelo reforço. Botafogo-RJ e Vasco fizeram propostas parecidas. O problema maior é que ambos os clubes querem que o Palmeiras pague parte dos salários do jogador, o que torna a situação bastante inviável do ponto de vista financeiro.

Se os times cariocas toparem arcar com o salário completo de Erik, o martelo será batido.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo