O setor de ataque tem sido aquele que mais tem movimentado as portas de entrada e saída de jogadores da Vila Belmiro. No final do ano passado Ricardo Oliveira se transferiu para o Atlético Mineiro e Kayke voltou para o Japão. Já nesta quinta-feira (25), o clube acertou a volta de Gabriel Barbosa, o Gabigol, coincidentemente no mesmo dia em foram noticiados rumores em relação ao futuro de Bruno Henrique.

Agora o time também está prestes a perder outro atacante, que prefere realizar período de testes em um time B europeu a ter que buscar seu espaço o tradicional alvinegro.

O meia-atacante Diogo Vitor, de apenas 20 anos, não vai renovar seu contrato com o Peixe. O acordo atual é válido até março e sua renovação já estava encaminhada, porém seu empresário Willian Barile disse que o atleta irá acertar com o Real Madrid B um acordo de três meses, onde ficará em observação.

O acordo com o time espanhol está sendo negociado por Wagner Ribeiro, outro agente do atleta.

O atrito dos agentes do atleta e o clube começaram quando de três funcionários da base do Peixe foram até a casa dos pais do jogador, e Três Corações, tratar diretamente do contrato do jogador, o que seus agentes classificaram como falta de ética. “Não gostei, porque estava falando da renovação com o Gustavo (Vieira, diretor executivo)”, disse Ribeiro em entrevista ao jornal santista “A Tribuna”.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Santos PaixãoPorFutebol

O jogador deveria se reapresentar na próxima segunda-feira (29), juntamente com o restante do time B do Santos. “Vamos esperar o contrato terminar, em abril, e já levá-lo para Europa, para adaptação num grande clube”, completou o agente, sem citar o time de Madrid.

Já Barile reforçou que a transferência do jogador não está sendo motivada por questões financeiras, lembrando que a China oferece sete vezes mais, porém o jogador se recusou a ir para lá, e sim por questões éticas.

“Esse tipo de atitude eu não admito. Funcionário da base tem de respeitar a negociação, que já estava bem adiantada”. Ele também reforçou que a primeira opção do atacante era seguir no clube.

O Santos, por sua vez, acredita que os agentes estão tentando forçar a saída do jogador do clube. A diretoria só irá se pronunciar sobre o caso após conversar com o atleta.

Depois de vencer a Ponte Preta de virada, o Peixe volta a jogar pelo Campeonato Paulista neste domingo (28), às 19h30, quando fará seu primeiro jogo na temporada no estádio do Pacaembu.

O adversário será o Ituano.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo