O Corinthians [VIDEO] está participando do torneio de pré-temporada Flórida Cup para entrar em ritmo de jogo e já embarcar no Campeonato Paulista com uma competitividade mais forte do que as demais equipes. No entanto, o Timão ainda tem um grande problema.

O centroavante artilheiro e destaque da temporada 2017, Jô, foi vendido ao Nagoya Grampus, do Japão, por 11 milhões de euros, cerca de R$ 43 milhões, deixando então um grande desfalque no elenco alvinegro, forçando com que a diretoria tenha que procurar novos reforços para a posição.

Centroavantes estão em falta no mercado brasileiro, pois todos que estavam livres para negociar nesta janela de transferências já fecharam com alguns clubes, como foi o caso de Fred, com o Cruzeiro, Ricardo Oliveira, com o Atlético Mineiro e Diego Souza, com o São Paulo.

Busca do Timão

O Corinthians estava cogitando Henrique Dourado, porém, o presidente do Timão já afirmou que desistiu das negociações com o atleta, que tem pequenas chances de pintar no clube. Roberto afirmou em entrevista ao Sportv que em sua gestão, até fevereiro, o atacante não chega.

O presidente do Timão vem analisando, junto com sua comissão, os atletas que estão livres para negociar, até porque o objetivo é trazer dois centroavantes, já que Kazim não corresponde com o esperado quando entra em campo.

A diretoria corintiana analisou a situação de um atleta que brilhou muito no rival São Paulo e está livre para negociar nesta janela de transferências, já que está sem clube. O centroavante Gilberto recebeu uma proposta de contrato para atuar pelo Timão por duas temporadas, e isso acabou balançando o atacante.

Vale lembrar que o Corinthians já negociou há alguns anos com Gilberto, mas não fechou a contratação do atacante.

Vai fechar ou não?

Gilberto pode vir para substituir Jô. Mas o atleta também pode vir para ser reserva de Henrique Dourado, que mesmo descartado ,pode retornar a negociar com o Timão com o próximo presidente, que deve ser Andrés Sanchez.

Segundo o portal 'FoxSports', a proposta foi dada antes mesmo do presidente Roberto de Andrade descartar o nome do centroavante do Fluminense, por isso que um nome não impede o outro de chegar no alvinegro de Itaquera, pela necessidade do elenco alvinegro.

Agora, resta ao torcedor corintiano aguardar o desfecho desta história para saber quem será o novo camisa nove a se destacar no glorioso elenco alvinegro de Itaquera [VIDEO].