O jogador Bruno Henrique do Santos Futebol Clube, se recupera de uma lesão na retina do olho direito e mesmo sem previsão de volta aos gramados, é desejado por outros clubes. O clube que mais manifesta interesse pelo jogador é o Cruzeiro, que nessa sexta-feira (26) tornou o interesse mais explícito através da imprensa e as redes sociais do clube.

Mas no Peixe, o novo camisa 11 é visto como referência técnica do elenco pelo técnico Jair Ventura e pela diretoria. A única chance de vendê-lo é em caso de uma proposta astronômica, acima dos valores vistos no mercado nacional.

O vínculo do jogador com o Peixe vai até o fim de 2020.

Entretanto, o Santos não tem intenção nenhuma de vender um dos seus principais jogadores e já tratou de agilizar uma reunião entre o diretor-executivo Gustavo Vieira e o empresário do atleta vai tratar sobre um possível aumento salarial ao Atacante.

Após ser o destaque da equipe no ano passado, com 18 gols em 53 jogos, o atacante busca agora o cumprimento do acordo feita pela antiga gestão do Santos, que se caso fizesse uma boa temporada em 2017 receberia aumento dos seus vencimentos, já que hoje o craque [VIDEO] está longe de receber o teto salarial do clube, que é de R$ 300 mil.

O Presidente do Peixe, José Carlos Peres afirma desconhecer tal promessa, porém diz que o assunto está sendo tratado de perto pelo diretor-executivo Gustavo Vieira. "Se essa oferta foi verbal, desconheço. Mas o Gustavo está tratando do assunto".

O mandatário ainda disse não ter tido qualquer proposta formal pelo jogador e que esse interesse do Cruzeiro é uma piada de mau gosto. "Não recebemos nenhuma proposta e ele tem uma multa de 100 Milhões. Se o Cruzeiro pagar, ele leva. É uma piada de mau gosto o Cruzeiro querer tirar nosso jogador, em plena competição, eles não vão ter dinheiro pra tirar. É inegociável", completou.

Agora resta saber, se a vontade do jogador é permanecer independentemente se o acordo com a gestão anterior do clube for ou não cumprido. Por parte da torcida santista, é claro que o desejo é que o craque fique, já que o Santos Futebol Clube perdeu jogadores importantes, como por exemplo o Ricardo Oliveira, e agora espera a permanência de jogadores de qualidade no elenco para ajudar o atacante Gabigol, recém recontratado pelo clube.

Bruno Henrique foi contratado junto ao Wolfsburg-ALE por R$ 13,5 milhões em janeiro de 2017. O atacante foi indicado pelo ex-técnico Dorival Júnior e também era alvo de interesse do Flamengo.