Palmeiras e Corinthians têm talvez a maior rivalidade entre times de todo o Brasil. Por este motivo os jogadores das equipes sempre que contratados são questionados sobre os clássicos que terão durante o ano, até porque é onde os atletas ganham destaque nacional em torno dos espetáculos apresentados.

Emerson Sheik é um velho conhecido da torcida palmeirense, até porque o atleta é um dos grandes ídolos da história do Corinthians e já participou de grandes clássicos contra o alviverde da capital paulista.

Publicidade
Publicidade

Agora o jogador retornou ao Timão para encerrar a carreira e fazer uma boa e última temporada.

Dependendo de como vai ser seu desempenho, o contrato de Sheik pode ser estendido por mais seis meses, já que o fechamento entre o clube e atleta é somente até julho deste ano, por conta de sua idade de 39 anos e a incerteza de um bom rendimento como atleta.

Entrevista

O ponta-atacante deu nesta sexta-feira (19), pela primeira vez, uma entrevista coletiva desde que retornou a ser jogador do Corinthians.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Palmeiras Corinthians

Por este motivo os repórteres já foram logo perguntando sobre o maior rival Palmeiras, pois o Campeonato Paulista já começou e está previsto alguns clássicos contra o maior rival paulistano do Alvinegro de Itaquera.

Por conta do alto investimento do Verdão, o atleta começou exaltando a equipe, que se preocupou muito com rechear o seu elenco para esta temporada e para as passadas, afirmando que o clube é candidato para ser o grande campeão do ano e ganhar títulos estaduais, nacionais e internacionais.

Publicidade

No entanto, o atleta provocou o Alviverde e fez uma espécie de ameaça ao rival, afirmando que, mesmo com o grande investimento, na hora do jogo são 11 contra 11 e tudo muda.

O Palmeiras é favorito?

O atacante afirmou que o Palmeiras é o favorito para ganhar os títulos neste ano. O corintiano está disposto para ingressar no elenco e já brigar pela titularidade.

Emerson Sheik não tem lugar garantido no time, mas é ídolo da torcida e mesmo se não tiver condicionamento para ficar os 90 minutos jogando, o atleta sempre entrará aos finais dos jogos ou no segundo tempo para mudar a partida.

Sheik tem uma grande história no Timão, pois fez dois gols na final da Copa Libertadores da América contra o clube argentino Boca Juniors e garantiu o primeiro título do clube nesta competição. Agora volta para tentar ser novamente o protagonista da equipe na mesma competição e se tornar ainda mais ídolo da torcida.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo