O Vasco entrou em campo para enfrentar a equipe chilena de Universidad de Concepción pela pré-Libertadores. A equipe Cruzmaltina estava cheia de problemas para serem resolvidos incluindo a mais recente delas, Nenê, que foi transferido essa semana para o São Paulo.

Primeiro Tempo

A partida começou com Universidad de Concepción no ataque, porém, sem nenhuma efetividade. Aos 2 minutos, logo em sua primeira chegada, o Vasco chega ao primeiro gol, em uma boa jogada do time brasileiro a bola sobra para Evander bater de chapa abrindo o placar para o Cruzmaltino.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Futebol

O time chileno tentava chegar ao ataque em lançamentos de profundidade, entretanto, a boa marcação do Vasco [VIDEO] impedia qualquer avanço do Universidad de Concepción. O clube carioca era melhor na partida com bons passes e principalmente sabendo esperar o momento certo de atacar o adversário.

Após o primeiro gol o time carioca recuou um pouco esperando o adversário avançar. Aos 15 minutos após uma dividida com Andrés Rios, o goleiro chileno se atrapalha e a bola sobra para Evander chutar quase do meio de campo para marcar o segundo gol do Vasco. Aos 18 minutos depois de começar pressionado por não conseguir chegar a área vascaína, Santiago Silva recebe um ótimo cruzamento, porém, passa longe do gol de Martín Silva.

A boa marcação do clube carioca, deixava o Universidad de Concepción atordoado, sem saída para atacar com qualidade. Aos 29 minutos, Santiago Silva se livra da marcação vascaína e cabeceia, a bola passa triscando a trave do goleiro Martin Silva. Alguns sustos a equipe de Zé Ricardo começaram a ter, principalmente pelo fato da zaga cometer algumas falhas, fazendo com que o atacante adversário saísse facilmente da marcação.

Os melhores vídeos do dia

Aos 45 minutos, Paulinho puxa um contra-ataque rapidíssimo, o goleiro da rebote e na sobra Evander perde um gol incrível.

Segundo Tempo

O time chileno começou a etapa complementar tentando pressionar a equipe do Vasco, porém, errava sempre o último passe. A pressa para descontar na partida, deixava grandes espaços para a equipe carioca. Aos 9 minutos, a primeira grande chance do Universidad de Concepción, em uma falta perto da grande área, Huentalaf chuta forte para a primeira defesa de Martín Silva na partida. Aos 12 minutos, em mais uma boa chegada do time chileno, Huntalaf cruza e Santiago Silva fura e perde mais uma grande chance do atacante no jogo.

O jogo estava mais acirrado, porém, a perda de fôlego na partida do Vasco preocupava o técnico Zé Ricardo, porque estava deixando muitos espaços para o time adversário atacar. As faltas. Aos 24 minutos dois lances bons para o Universidad de Concepción, no primeiro Morales chuta para ótima defesa do goleiro vascaíno no segundo lance Droguett livre de marcação perde grande oportunidade para o Concepción diminuir na partida.

A partida foi ficando sonolenta com passes errados dos dois lados e as substituições feitas pelo Zé Ricardo, deixaram o Vasco [VIDEO] desequilibrado na partida, porém, os espaços deixados pela equipe chilena ajudavam nos contra-ataques da equipe Cruzmaltina. Aos 33 minutos em um cruzamento sem grandes pretensões, Cristian Muñhoz solta a bola nos pés de Yago Pikachu. Aos 36 minutos, Paulinho puxa um grande contra-ataque e toca para Rildo marcar o primeiro pelo clube carioca e o quarto da partida.