Alívio geral nas Laranjeiras. Após uma análise da decisão judicial que bloqueou as receitas do clube, o Fluminense encontrou uma maneira de cumprir a promessa de sua diretoria e, no final da tarde desta quarta, quitou todos os atrasados com o elenco de Futebol profissional. Os jogadores não recebiam dois meses de salários, férias referentes a 2016 e 2017, além de cinco meses de direitos de imagens.

Na semana passada, a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN), por conta do não recolhimento de impostos, bloqueou 30% dos 7,5 milhões de euros, aproximadamente R$ 29 milhões, que o Fluminense tinha direito a receber pela venda de Wendell ao Sporting Lisboa, de Portugal. Após consulta com o próprio órgão federal, o Tricolor resolveu usar os 70% que estavam liberados, algo em torno de R$ 20 milhões.

Além da insatisfação dos jogadores, que já foram avisados, o Fluminense evitou a saída de Paulo Autuori. Ainda durante a passagem da equipe pelos Estados Unidos no início de 2018, o diretor-executivo, empossado durante o último Natal, havia garantido que pediria demissão se todas pendências não fossem solucionadas.

Desde que assumiu o clube, o presidente Pedro Abad vem lutando com sérias dificuldades para regularizar a situação financeira do Fluminense.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol PaixãoPorFutebol

A gravidade é tamanha que no final do ano passado, a diretoria resolveu tomar uma atitude drástica e rescindiu o contrato com oito jogadores, dentre eles o goleiro Diego Cavalieri, campeão brasileiro de 2012 e o zagueiro Henrique, capitão da equipe. Outro que saiu foi o meia Gustavo Scarpa. Este, porém, obteve a liberação através da justiça antes de acertar com o Palmeiras.

O acerto dos débitos veio em boa hora para o Fluminense.

A partir das 19h30 (de Brasília), a agremiação carioca inicia a luta pelo bi da Copa do Brasil, encarando, no estádio Ronaldão, em Poços de Caldas, interior do estado de Minas Gerais, a Caldense. Como está melhor colocado no Ranking Nacional de Clubes, o Tricolor necessita apenas de um empate para avançar até a segunda fase da competição nacional.

Depois da Copa do Brasil, o Fluminense voltará as suas atenções para a última rodada da fase de classificação da Taça Guanabara, segundo turno do Campeonato Carioca.

No sábado, às 19h (de Brasília), a equipe das Laranjeiras irá a Los Larios, estádio no distrito de Xerém, região metropolitana do Rio, tendo a obrigação de vencer o Macaé para continuar sonhando com uma vaga nas semifinais do torneio estadual.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo