O Fluminense vai perder [VIDEO] uma de suas grandes joias bem antes do que o esperado. Inicialmente, a diretoria só esperava que ele saísse do clube [VIDEO]no meio do ano, quando se abre a janela de transferência de verão europeu. Porém, uma reviravolta nas negociações, inclusive tendo um novo clube como destino, fará o volante Wendel se despedir do Tricolor mais cedo do que esperava e sua partida já tem data marcada.

Até os últimos dias estava certo que ele seria negociado com o Paris Saint-Germain, que deixaria o jogador no Rio de Janeiro até o meio do ano, uma vez que já está bem servido de jogadores para a posição.

No entanto, o jogador acabou despertando interesse do Sporting de Portugal, as conversas com o Flu avançaram e o jogador já viaja esta quarta-feira (3), para Lisboa, onde realizará exames médicos.

Os valores da transferência giram em torno de oito milhões de euros, algo em torno de 32 milhões de reais, porém ainda existem divergências quanto a forma de pagamento. Os brasileiros querem receber o montante à vista e também buscam manter um percentual sobre uma futura venda do atleta.

Anteriormente, o #Fluminense tinha um acordo verbal com o PSG, que havia oferecido 10 milhões de euros, além de deixar o jogar mais seis meses nas Laranjeiras, porém o Fair Play Financeiro impediu que as negociações seguissem.

Não irão voltar

Dois jogadores emprestados no ano passado não voltarão ao Fluminense nesta temporada.

O lateral-esquerdo Giovanni e volante Edson seguirão no América Mineiro e Bahia, respectivamente. Ambos os jogadores tiveram seus contratos de empréstimo renovados e não estarão com os demais atletas do elenco, que tem reapresentação marcada para esta quarta-feira (3). Como seus vínculos vencem nesta temporada, dificilmente os jogadores voltarão a jogar pelo clube das Laranjeiras.

Dinheiro em caixa

Em meio as dificuldades financeiras neste início de temporada, que até culminou com a dispensa de jogadores que recebiam elevados salários, o setor financeiro do Fluminense recebeu uma boa notícia nesta terça-feira (2), quando o clube anunciou a ampliação do acordo com o laboratório Lafe.

Pelo novo acordo, válido por um ano, a empresa estampará sua marca entre o escudo e o nome da fornecedora de material esportivo. O clube receberá uma parte em dinheiro e outra parte na isenção de pagamento de exames laboratoriais.

A empresa chegou ao clube em setembro último, como um patrocinador pontual, porém, em dezembro, as partes passaram a discutir uma ampliação do vínculo. #PaixãoPorFutebol #Mercado da bola