Depois de seis dias ininterruptos de atividade no CT Pedro Antônio, na Barra da Tijuca, com direito a goleada de 4 a 0 em jogo-treino contra o Esporte Clube Resende, da Série B do Estadual do Rio de Janeiro, a delegação do Fluminense embarcou, no início da noite desta terça, rumo aos Estados Unidos, onde disputará a Florida Cup, enfrentando, na sexta, às 22h (de Brasília), o PSV Eindhoven, da Holanda, e, na segunda que vem, a partir das 19h15 (de Brasília), o Barcelona de Guayaquil, do Equador.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Futebol

Enquanto os jogadores seguiam viagem, já em solo norte-americano, o presidente do clube carioca, Pedro Abad, deu uma boa notícia aos torcedores. Questionado sobre a possibilidade de Henrique Dourado ser negociado com o Corinthians, o mandatário foi taxativo.

Segundo ele, o Ceifador, um dos artilheiros do último Campeonato Brasileiro com 18 gols, permanecerá nas Laranjeiras.

"Ele é um ídolo nosso, não vai ser vendido de jeito nenhum e fica no Fluminense. Ele viajou com a gente e vai jogar o Torneio da Flórida. Ele é artilheiro do Fluminense e será artilheiro do Brasileiro de novo pelo Fluminense", declarou.

Se Dourado fica, o outro Henrique, o zagueiro, um dos seis dispensados pela agremiação antes da reapresentação do elenco, seguirá para o Parque São Jorge. De acordo com Pedro Abad, detalhes burocráticos separam a rescisão do contrato do defensor com o Flu. Após a solução dessa pendência, ele estará liberado para acertar com o Corinthians.

O Futebol paulista também deverá ser o destino de Gustavo Scarpa. Interessado na aquisição do meia, o São Paulo entrou em acordo com o Fluminense e irá pagar R$ 11 milhões ao clube das Laranjeiras, além de ceder três jogadores: o lateral-esquerdo Júnior Tavares, o apoiador Lucas Fernandes e, possivelmente, o atacante Maicosuel.

Para a negociação ser concluída, o São Paulo vem tentando convencer Scarpa a retirar a ação que move contra o Fluminense em virtude de atrasos de quatro meses de salário, 13º, férias e FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço).

Enquanto os bastidores seguiam agitado nos profissionais, dentro de campo, o Sub-20 do Fluminense, após vencer o Mogi Mirim por 3 a 0 e perder, de virada, para o Tubarão-SC pelo placar de 3 a 2, necessitava de uma vitória para avançar na Copa São Paulo de Futebol Júnior [VIDEO], mas, em um péssimo dia, os garotos comandados por Marcelo Teixeira acabaram sendo derrotados pelo Marília por 2 a 0 e, pela primeira vez desde 2006, deixaram a competição [VIDEO] ainda na primeira fase.

A estreia oficial do Fluminense no ano de 2018 acontece na quarta, 17 de janeiro, às 19h30 (de Brasília), no Elcyr Resende, em Bacaxá, distrito de Saquarema, contra o Boavista pela abertura da Taça Guanabara, segunda fase do Campeonato Carioca.