Ontem (27), tivemos o primeiro clássico paulista de 2018. O duelo entre Corinthians e São Paulo teve o Timão como vitorioso no Pacaembu.

No ano passado, o Corinthians se destacou na temporada por ser um time considerado abaixo das demais potências do Futebol brasileiro, mas que no final mostrou que um bom planejamento, preparação, organização e raça são suficientes para conquistar títulos. Além disso, o Timão terminou 2017 com um saldo muito positivo em clássicos contra seus rivais estaduais.

Publicidade
Publicidade

Foram 7 vitórias, 4 empates e apenas 1 derrota contra os outros grandes de São Paulo. Destaque desses confrontos foi o artilheiro Jô, que ganhou o apelido de Rei dos Clássicos por sempre estar fazendo gols em seus rivais. O mais marcante foi o gol contra o Palmeiras, na primeira fase do paulista daquele ano, em que o Timão estava com 1 jogador a menos, que foi expulso de forma incorreta. O camisa 7 começou no banco, mas quando entrou no jogo conseguiu fazer o único gol da partida.

Publicidade

O ano de 2018 chegou e o que a torcida alvinegra temia aconteceu. O rei dos clássicos foi embora, vendido para Nagoya Grampus, do Japão. O teste de fogo chegou, um clássico Majestoso, com uma rivalidade que cresce muito a cada ano. Mas, como o clube e a torcida disseram nas redes sociais ao final da partida, sem novidades. O Timão triunfou por 2x1 em cima do Tricolor. Mesmo sem o Rei dos Clássicos, o reino corinthiano continua forte e está indo em busca de mais títulos esse ano, não se importando com a dificuldade imposta por seus rivais.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Corinthians

O jogo

O duelo no Pacaembu tinha tudo para ser emocionante. Além de toda a importância que um clássico tem por natureza, seria um bom teste para ambas as equipes que estariam com suas novas peças. Porém, logo com 1 minuto da partida, Jadson abriu o placar, e uma peça já experiente do Parque São Jorge que mostrou a que veio. O time do São Paulo não conseguia fazer um bom jogo, o alvinegro de Itaquera mostrava estar em sintonia dentro de sua antiga casa.

O Tricolor não encaixou bem sua marcação e acabou sofrendo em praticamente todo o primeiro tempo de jogo. Porém, em uma das poucas vezes em que chegou o ataque, conseguiu uma bola na trave, e na jogada seguinte arrancar o empate, com gol de Brenner. Para o time do Morumbi, ir para o vestiário carregando um empate era longe de ser perfeito, mas ideal devido a partida difícil. Mas como todo bom rival, o Corinthians não deixou o ideal acontecer a seu adversário, e com Balbuena chegou ao segundo gol.

Publicidade

O primeiro tempo acabou, e foi um bom jogo, movimentado, nitidamente se via que ambos os times queriam a vitória, mas o Timão no primeiro tempo foi melhor.

Na segunda etapa, o Tricolor voltou melhor. Ter tomado 2 gols deve ter feito o time acordar, assim, acertando a forma de marcar o Corinthians e pressionando, chegando muitas vezes ao gol de Cássio. Porém, a falta de eficiência para finalizar fez com que a melhora do time do Morumbi não adiantasse.

Publicidade

Mesmo estando em baixa no segundo tempo devido ao ritmo imposto pelo rival, o Corinthians tem uma defesa muito sólida. Os jogadores sabem jogar sem a bola nos pés, e assim conseguiu manter o placar até o final e levar para casa os 3 pontos.

O substituto do Rei dos Clássicos

Mais uma vez o técnico Carille deu chance a Kazim e o colocou de títular no clássico. O gringo da favela está em sua segunda temporada no clube, conhece bem seus companheiros que, claramente, gostam do atleta. Mas quando entra em campo, Kazim não consegue aproveitar suas oportunidades. É visível a dificuldade em construir as jogadas quando a bola precisa passar pelos seus pés. Jr. Dutra, reforço do time que veio do Avaí, deve tomar sua vaga já na próxima partida, contra o Novorizontino. O atacante, mesmo não sendo jogador de área como Kazim, quando entrou em campo mostrou estar melhor preparado para a função. O Corinthians deve seguir na busca por um camisa 9, mas isso deverá ocorrer após as eleições presidenciais do clube, em Fevereiro.

Próximos compromissos

O Corinthians volta a campo no próximo domingo, jogando em Novo Horizonte contra o Novorizontino, no estádio Jorge Ismael de Biasi, às 19h30. O Timão segue líder do grupo A, com 9 pontos, enquanto o Tigre do Vale está em terceiro do grupo C.

O São Paulo recebe no Morumbi do Botafogo no próximo sábado, às 17h pelo Paulistão. Porém, antes disso, no meio da semana, o Tricolor fará sua estreia na Copa do Brasil. A partida será contra o Madureira, na quarta-feira, às 21h45.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo