O Palmeiras venceu o Red Bull na quinta-feira por 2 a 1 pela terceira rodada do Campeonato Paulista. A vitória deixou o Verdão com 100% na competição e invicto na temporada. O jogo não foi fácil e nem teve ar de que o clube alviverde venceria de maneira fácil por conta dos vários reforços. O time da marca de energéticos foi para cima e, organizadamente, abriu o placar e se segurou. A expulsão de um dos seus atletas prejudicou o esquema tático, permitindo ao Palmeiras, maiores espaços e mobilidade.

O volante Thiago Santos marcou os dois gols. O fato foi incomum e gerou até brincadeiras na Europa. Seu ex-companheiro de Palmeiras, Gabriel Jesus, atualmente no Manchester City, soltou vídeo em uma das contas na rede social brincando com o jogador alviverde.

Boas novidades no treino

Roger Machado, técnico do Palmeiras, estava satisfeito após a vitória. Na coletiva, disse que estava feliz pelo resultado, mas que ainda faltam alguns detalhes principais para a equipe evoluir.

Internamente, Roger afirma que o time precisa ter mais consistência defensiva. O meio-campo precisa ser mais criativo e buscar os espaços.

Nesta sexta, apenas quem não jogou contra o Red Bull treinou. O atacante Willian entrou no segundo tempo, mas treinou entre os reservas. As boas notícias ficam por conta do atacante, de Felipe Melo e de Marcos Rocha.

Os três foram poupados por desgaste. A ideia da comissão técnica é entender o momento físico e liberar de acordo com a condição.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Palmeiras

Felipe Melo treinou muito bem e deve reassumir a titularidade amanhã contra o Bragantino fora de casa. O lateral Marcos Rocha também foi muito bem e deve roubar a vaga de Mayke. Keno, que não fez um bom jogo, deve voltar para a reserva e Willian assumir o ataque ao lado de Dudu e Borja.

Desentendimento

Após lance ríspido, o zagueiro Luan acertou o rosto de Bruno Henrique com uma cotovelada. O volante não gostou e gesticulou.

O zagueiro foi mais cedo para os vestiários, visivelmente nervoso. Bruno ainda ficou no gramado conversando com amigos e o preparador físico Omar Feitosa.

O fato não gerou nenhum problema de relacionamento. Roger não se preocupou e disse para pessoas próximas na Academia que trata-se de uma reação normal, de treino, de excesso de vontade. E que isso, de fato, mostra que os seus comandados estão com vontade de bola.

Neste domingo, o Palmeiras viaja até Bragança Paulista e enfrenta o Bragantino pela quarta rodada do Paulistão.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo