O Real Madrid precisa de mais. Isso é algo que o presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, não tem qualquer dúvida. Com o Campeonato Espanhol quase descartado, a Liga dos Campeões se tornou o principal objetivo. Afinal, quem se iria se lembrar de um campeonato horrível, se eles conquistassem o tri na Champions? É esse o pensamento atual de Florentino Pérez e ele não quer nem pensar que alguém em seu time baixe os braços ou dê a época por perdida.

No entanto, ele sabe bem que falta muito para eles ganharem a Champions novamente, até porque para começar eles têm já um grande desafio: eliminar o PSG de Neymar. [VIDEO] Os próximos meses vão ser decisivos para o Real Madrid, mas começam já as grandes decisões.

Para começar, quase todos em Madri já desistiram do Campeonato Espanhol. Claro que eles precisam fazer bem melhor, para não correrem o risco de falhar a qualificação para a Champions, na próxima temporada. No momento, eles estão a 16 pontos do Barcelona, o líder, e, por muito que eles acreditem que o time de Valverde possa quebrar um pouco o ritmo, eles não imaginam que a super equipe da Catalunha possa perder tantos pontos, especialmente agora com as chegadas de Coutinho e de, ao que tudo indica, do zagueiro Yerry Mina.

O campeonato está muito complicado, e o Real traçou novos objetivos neste início de 2018. Eles querem a Copa do Rei e a Champions e esses são objetivos possíveis e que eles não vão desistir fácil, apesar de muito se falar do mau desempenho. Para ajudar a essas conquistas, o Real precisa de reforços [VIDEO]e é aí que vai entrar o esforço de Florentino Pérez, mas, ao contrário do Barcelona, eles não vão cometer loucuras.

O Barcelona comprou Coutinho por um valor exorbitante, e o craque nem pode atuar na Liga dos Campeões, um erro que o Real não quer cometer. Eles só querem trazer jogadores que possam atuar já na Champions, até porque eles sonham em conquistar o torneio. Em Madri, eles acreditam que conquistar o campeonato pelo terceiro ano consecutivo seria a salvação da temporada. E ninguém mais iria falar em crise ou maus resultados.

Porém, logo para começar, eles vão enfrentar o PSG, com Neymar e Mbappé, já nas oitavas-de-final, uma missão muito complicada. Eles sabem que não vai ser fácil, até porque contra o Barcelona, eles provaram que estão distantes do nível dos grandes da Europa. Eles perderam por 3 a 0, no Santiago Bernabéu, e ficou claro para todos que eles não estão ainda na sua melhor forma.

Até fevereiro, o Real ainda tem tempo para melhorar e para se reforçar. Florentino Pérez tem já dois nomes destacados em sua agenda que, ainda para mais, poderiam atuar já contra o PSG. Ele está pensando em Mauro Icardi e Alexis Sánchez.

Ambos poderiam disputar a Champions e seriam contratações de primeiro nível para este mês de janeiro.

Em comum, os dois já passaram pelo Barcelona, mas o argentino da Inter tem o problema do preço. Tudo indica que ele vai ficar muito caro. Enquanto isso, o chileno Alexis pode sair do Arsenal de graça, apesar de ele ter no Manchester City um forte pretendente pelos seus serviços.