Após a aposentadoria do ídolo Marcos, o Palmeiras [VIDEO] demorou para achar um novo goleiro que desse conta do recado, após vários nomes passarem pela meta do Verdão – alguns sem deixar saudade -, atualmente o clube pode se gabar de ter três grandes opções para a Seleção, sendo que dois deles fizeram parte da lista inicial da Seleção Brasileira que jogou nas Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro. Nesta quarta-feira (24), em entrevista coletiva, o técnico Roger Machado revelou a hierarquia deles dentro da equipe.

Escolhido nos dois primeiros jogos do time no Campeonato Paulista, o goleiro Jailson seguirá sendo o titular da posição.

“O Jailson ocupou por méritos e vem respondendo bem”, justificou o treinador. Titular até o ano passado, Fernando Prass passará a ser seu reserva imediato, enquanto Weverton, que assumiu a titularidade da Seleção Olímpica após o corte de Prass, e recentemente veio do Atlético Paranaense, será, por enquanto, o terceiro goleiro. “O Weverton chegou agora, e está brigando por espaço. Então, ele é o 3º goleiro na hierarquia”, disse Roger.

Repetir time titular

O Palmeiras é um dos dois times dentro do Campeonato Paulista [VIDEO] a ostentar 100% de aproveitamento – o outro é o Bragantino -, mas nem por isso o técnico Roger Machado estuda ainda fazer um rodizio de jogadores. Como a disputa da Copa Libertadores da América começa apenas em março, a tendência é que o treinador palmeirense continue usando o que tem de melhor, exceto quando houver alguma preocupação de ordem física.

“Se houver necessidade, vamos resguardar um ou outro atleta. A ideia é tentar dar continuidade”, explicou em entrevista antes do último treinamento. No entanto, ele ainda prefere esperar a última atividade antes de definir o time que começará jogando contra o Red Bull Brasil, nesta quinta-feira (25), no Allianz Parque.

Se for repetir a formação que venceu o Santo André e o Botafogo de Ribeirão Preto, o Verdão será escalado com Jailson no gol; a defesa formada por Marcos Rocha, Antônio Carlos, Thiago Martins e Victor Luis; o meio campo terá Felipe Melo; Tchê Tchê, Lucas Lima, Willian e Dudu; Borja será novamente o atacante.

Uma das novidades, no entanto, poderá ser a presença de Moisés no banco de reservas. O jogador vem seguindo um cronograma de trabalho para prevenir lesões ao longo da temporada. “Ainda temos hoje para decidir. Mas já da para inseri-lo dentro deste contexto de jogo”, disse o comandante palmeirense.