O Corinthians é um dos clubes mais queridos do Brasil e possui a segunda maior torcida de todo o País, caracterizada pelo nome "bando de loucos". Esses sempre apoiam muito o time. Na temporada passada, para reascender no Campeonato Brasileiro e não perder o título para o seu maior rival Palmeiras, 31 mil pessoas foram assistir o treino do time antes do clássico.

Romero foi importantíssimo na campanha do título e é caracterizado por não ser um jogador com muita técnica, mas que compensa esse aspecto negativo na vontade de jogar e ganhar, sendo um dos mais competitivos já vistos pelos corintianos, que adoram o jogador e o tratam como um ídolo.

Apelidado muitas vezes como o "Messi paraguaio", em tom de brincadeira, o atleta é muito identificado com o clube. Alguns comentaristas afirmam que o jogador não daria certo em outra equipe brasileiro, pelo motivo de ser um jogador feito para o Corinthians por conta de sua raça.

O atacante Ángel Romero é do Paraguai e tem um irmão gêmeo, o meia Óscar Romero. Os dois jogavam juntos no Cerro Porteño e atualmente na seleção paraguaia. Pela semelhança física, os dois são alvos de muitas brincadeiras na internet e comparação.

O atacante revelou algo que ninguém sabia que a diretoria atual do Corinthians teria feito para reforçar o elenco. Segundo o paraguaio, a diretoria do clube tentou mais uma vez contratar seu irmão. Essa já é a terceira vez.

Ninguém sabia disso e foi revelado pelo atleta recentemente, que afirmou que o Timão tentou a contratação em dezembro.

Motivo do rompimento

O rompimento das negociações com o jogador foi dado por um problema de acordo com o salário do atleta. Por este motivo,, a torcida corintiana foi impedida de assistir algo inédito acontecer.

O atacante do Corinthians, Ángel Romero, também contou que teve boas propostas para atuar na Europa, mas afirmou que seu desejo é continuar no Corinthians e não se interessou em mudar de País neste momento. Por conta disso, deve ficar mais algumas temporadas atuando pelo clube com uma das maiores torcidas do País.

Todos esperam grandes atuações do paraguaio em 2018 e que auxilie o clube a ganhar a Libertadores [VIDEO].

Agora, a torcida corintiana deve apoiar Romero, mesmo sem o irmão para auxiliá-lo, para que o o atleta faça uma boa temporada e seja um dos protagonistas em uma campanha possivelmente vitoriosa do Timão, assim como na temporada passada, com dois títulos importantes [VIDEO].