A diretoria do Palmeiras está trabalhando bastante neste começo de 2018. Lucas Lima, Emerson Santos, Diogo Barbosa, Marcos Rocha e Weverton já chegaram após negociação e pagamento. Algumas saídas já se concretizaram e outras ainda terão o martelo batido.

Nesta sexta-feira, Roger Machado, novo técnico, terá a oportunidade de ver o time titular pela primeira vez em campo. Tem jogo-treino marcado contra o Atibaia na Academia de Futebol, e o Verdão deve mostrar pela primeira vez a equipe que deve iniciar a temporada.

Machado tem muitas dúvidas. E a primeira delas começa no gol: quem vai ser o goleiro titular? Fernando Prass [VIDEO], Jaílson ou Weverton? Nas redes sociais grande parte dos torcedores pedem Jaílson na meta.

A explicação é que Prass [VIDEO] falhou muito em 2017 e o goleiro reserva recebeu poucas chances. Quando teve oportunidade, contra o Barcelona do Equador, se machucou e teve que se afastado. A lesão de Jaílson foi grave e cogitou-se até aposentadoria 'forçada'. Mas médicos dos EUA ajudaram na recuperação do goleiro.

Será a primeira vez que Lucas Lima vai jogar com a camisa do Palmeiras. Ele deve comandar o setor de criação da equipe, com Borja ou Deyverson no ataque. Moisés também pode ser parceiro de Lima no meio-campo. Roger já sabe qual time vestirá o colete, mas não confirmou.

Possíveis chegadas

Apesar de considerar improvável, o Palmeiras mantém conversas com Gustavo Scarpa, ex-Fluminense. O jogador conseguiu liminar na Justiça e está livre para negociar. O São Paulo tem conversas mais profundas com o jogador e seus empresários, porém o Alviverde não descarta negócio.

Outro jogador que está no radar palmeirense é Ricardo Goulart, que defende o Evergrande, da China. O atleta está perto de conseguir liberação para voltar ao Brasil. O único impasse é em relação ao salário. Por lá, Goulart recebe R$ 2 milhões mensais, valor impraticável por aqui. Ele aceitaria diminuir o salário e ter maior valor em produtividade. As conversas estão travadas porquanto a liberação não sair. Não tem prazo.

Possíveis saídas

O lateral Fabiano, autor do gol que deu o título Brasileiro para o Palmeiras em 2016, não deve seguir no elenco para a temporada atual. A diretoria estuda algumas propostas e deve negociá-lo. Deve ser usado como moeda de troca se Roger Machado pedir algum atleta.

Hyoran, meia que veio da Chapecoense em 2017, também deve ser usado como troca. O meio-campista não deve ter tantas oportunidades se seguir no Palmeiras e já aceitou ser negociado.