São Paulo e Chapecoense se enfrentaram para decidir quem iria passar para a próxima fase da Copinha. Na Copa São Paulo de Futebol Jr. do ano passado, o time de Santa Catarina despachou o tricolor paulista nos pênaltis.

Primeiro tempo

O jogo começou bem disputado com o São Paulo no campo de ataque, para tentar resolver mais rápido possível a partida, enquanto a Chapecoense [VIDEO] esperava o momento certo de contra-atacar. A partida amarrada com erros individuais e a forte marcação das duas equipes fizeram com que até os 9 minutos da etapa inicial não ocorresse nenhuma chance de perigo para ambos.

As poucas chances da Chapecoense aconteceram em lances isolados de contra-ataque por duas vezes, entretanto longe do gol do time paulista.

Em bolas longas pelo lado tricolor paulista, novamente a boa marcação do time do sul não deixava o São Paulo [VIDEO] tomar conta do jogo.

A posse de bola do time paulista não determinava o domínio de jogo, o time de Santa Catarina era perigoso nos contra-ataques. A estratégia da Chapecoense deixava impaciente o time do São Paulo. Aos 28 minutos, a primeira grande chance da partida da equipe paulista, em um cruzamento de Lizeiro, onde a bola bateu na trave do goleiro da Chapecoense. Aos 34 minutos, Igor, jogador do tricolor, tentou marcar o gol antes do meio de campo, porém o goleiro chegou a tempo para defender. Aos 41 minutos, a Chapecoense perdeu uma grande chance cara a cara com o goleiro, chutando a bola por cima do gol. Até o final da etapa inicial não aconteceu mais nenhuma chance.

Segundo tempo

O jogo recomeçou ao menos interessante, com a Chapecoense chegando mais no ataque, porém errando o último passe.

O São Paulo não conseguia encaixar um ataque interessante, porém novamente errava como no primeiro tempo devido à forte marcação do time do sul. Até os 17 minutos o jogo, amarrado novamente como ocorreu na etapa inicial, fazia com que ambos os times errassem muitos passes. Aos 19 minutos, a Chapecoense não conseguiu segurar o bom time paulista, Toró, chutou de fora da área marcando um golaço, abrindo o placar na partida.

A chuva que caía no estádio, atrapalhou o bom futebol produzido do time do São Paulo, até que aos 25 minutos Toró marcou novamente para a equipe paulista, fazendo o segundo gol da partida. A Chapecoense, por sua vez, estava entregue no jogo afrouxando a marcação toda vez que o time paulista subia ao ataque. A boa qualidade fez a diferença para o lado do São Paulo.

A partir dos 35 minutos houve uma paralisação na partida devido ao apagão que ocorreu no estádio. Após a partida recomeçar, o tricolor soube administrar bem até o final da etapa complementar. O time paulista enfrentará o Botafogo do interior paulista na próxima fase da competição.