A ida de Diego Souza para o São Paulo [VIDEO] é para o jogador, a chance de aparecer mais para o técnico Tite, e conquistar uma vaga para a #Copa do Mundo da Rússia. O meia-atacante sabe que no tricolor paulista tem muito mais condições de aparecer para o treinador. Para conseguir a vaga, no entanto, terá de voar baixo no início da temporada, no Campeonato Paulista, já que em março Tite convoca a #Seleção Brasileira para os dois últimos amistosos antes do mundial, contra Rússia e Alemanha, nos dias 23 e 27 daquele mês. O concorrente direto de #Diego Souza para a vaga na Copa do Mundo é o atacante Roberto Firmino, do Liverpool, que está vivendo ótima fase.

Até o fim do ano, Tite estava entre os dois para ocupar a vaga de reserva de Gabriel Jesus, titular no ataque canarinho ao lado do Neymar.

Tite foi responsável pela volta de Diego Souza à Seleção depois de quase seis anos de ausência. O treinador chamou o então jogador do Sport para o amistoso contra a Colômbia, no Estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro, no dia 25 de janeiro de 2017. Foram convocados para aquela partida somente atletas que atuavam em território brasileiro. A equipe canarinho venceu por 1 a 0, com gol do palmeirense Dudu, outro que também sonha em ir para a Rússia. Antes dessa partida, Diego Souza havia sido chamado em 28 de setembro de 2011, também para um jogo em que foram convocados apenas jogadores que atuavam no Brasil: o Superclássico das Américas.

Convocado pelo técnico Mano Meneses naquela ocasião, Diego Souza entrou no segundo tempo no lugar de Lucas Moura (na época jogador do São Paulo). O Brasil ganhou por 2 a 0, com um gol, justamente, de Lucas Moura e outro de Neymar (que defendia o Santos).

Dois gols pela Seleção Brasileira

Nas sete passagens que teve pela Seleção Brasileira [VIDEO] (além das cinco convocações por Tite e de uma por Mano Meneses, o jogador foi chamado também por Dunga, em 2009), Diego Souza marcou gols em apenas uma partida: foram dois, na vitória de 4 a 0 sobre a Austrália, na casa do adversário, em partida amistosa disputada na cidade de Melbourne em 13 de junho de 2017. Os outros dois gols do time comandado por Tite, foram assinalados por Thiago Silva e Taison. O primeiro dos gols de Diego Souza foi marcado com menos de um minuto de jogo, após passe de Juliano. E o segundo dele foi o que fechou o placar, de cabeça aos 47 do segundo tempo após cobrança de escanteio. Nas vezes em que vestiu a camisa canarinho, o meia atacante do São Paulo só perdeu uma vez, justamente na estreia, contra a Bolívia, em 2009, por 2 a 1, em La Paz. Nas outras seis partidas foram vitórias.