Em três anos de Palmeiras, o craque Dudu balançou as redes adversárias 41 vezes, considerando apenas os torneios oficiais que o Verdão disputou nesse período. O início da trajetória foi no amistoso contra o Red Bull Brasil, na Arena Palestra, em 26 de janeiro de 2015, com vitória de 3 a 2 da equipe alviverde. Dudu deu assistência para um dos gols, concluído por Cristaldo. Já a estreia em jogos valendo por torneios oficiais não foi boa: o Palmeiras perdeu por 1 a 0 para a Ponte Preta em 5 de fevereiro pelo Paulistão 2015, também na Arena Palestra.

Nas contas de Dudu foram 166 jogos com a camisa palmeirense. Desses 160, até este sábado 27 de janeiro de 2018, foram partidas por torneios oficiais. Dos grandes rivais, o que mais sofreu gols de Dudu foi o Santos: foram três, dois deles em uma decisão.

Santos

Os três gols que Dudu marcou no Santos foram assinalados no ano de estreia do jogador no Palmeiras.

O primeiro deles foi pelo Campeonato Brasileiro, em partida que não terminou bem para o Palmeiras. Em jogo realizado na Vila Belmiro, no dia 1º de novembro de 2015, a equipe praiana venceu por 2 a 1, com Thiago Maia e Ricardo Oliveira marcando para o Santos aos 27 minutos do primeiro tempo e aos quatro minutos da segunda etapa. Coube a Dudu diminuir a diferença, balançando a rede santista aos 30 minutos do segundo tempo.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Palmeiras Santos

A resposta palmeirense foi matadora. Veio um mês depois, no dia 2 de dezembro de 2015, na final da Copa do Brasil. Antes dessa partida, no entanto, o Santos havia imposto uma nova derrota ao Palmeiras, por 1 a 0 (gol de Gabigol), no dia 25 de novembro no primeiro confronto das finais da Copa do Brasil. O Palmeiras entrou em campo, na Arena Palestra, uma semana depois, precisando vencer para levantar a taça.

E Dudu estava simplesmente em um dia de artilheiro, demonstrando posicionamento perfeito na área para aproveitar as chances que apareceram. Aos 12 minutos do segundo tempo ele abriu o placar após passe de Robinho. Aos 40 minutos ampliou para 2 a 0 aproveitando bola ajeitada de cabeça por Vitor Hugo que cruzou a área santista. A taça parecia estar na mão do Verdão, mas o Santos conseguiu diminuir dois minutos depois com gol de Ricardo Oliveira e levou a decisão para os pênaltis, vencida pelo Palmeiras por 4 a 3.

Títulos

Além da Copa do Brasil 2015, Dudu levantou pelo Palmeiras a taça de Campeão Brasileiro 2016, quando o Verdão terminou a competição com 80 pontos, nove à frente de Santos e Flamengo. A equipe alviverde venceu 24 partidas, empatou oito e perdeu seis. Dudu terminou a competição como vice-artilheiro do Palmeiras com seis gols, ao lado de Jean. O artilheiro alviverde foi Gabriel Jesus, com 12 gols, dois a menos que os goleadores da competição - William Pottker (Ponte Preta), Fred (Atlético Mineiro) e Diego Souza (Sport), que balançaram as redes adversárias 14 vezes.

Corinthians e São Paulo

Contra Corinthians e São Paulo, Dudu marcou dois gols em cada desde que chegou ao Palmeiras. Sobre o Corinthians foi em um empate em 3 a 3 pelo Campeonato Brasileiro de 2015, no dia 6 de setembro, e em uma vitória por 1 a 0 pelo Campeonato Paulista de 2016, no dia 3 de abril. Já os dois gols contra o São Paulo foram assinalados em jogos do Campeonato Paulista. Em 2016, no dia 13 de março, em vitória palmeirense por 2 a 0. E em 2017, no dia 11 de março, na vitória alviverde por 3 a 0.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo