Pela primeira vez desde o início da temporada, o técnico Roger Machado teve uma semana inteira pra trabalhar [VIDEO]. E esse período longo de trabalhos entre um jogo e outro veio em excelente hora, uma vez que no próximo domingo (4), o Palmeiras fará seu primeiro clássico no ano, quando recebe o Santos, no Allianz Parque, pela quinta rodada do Campeonato Paulista.

O Verdão é o único time com 100% de aproveitamento dentro do Paulistão, enquanto que o Peixe venceu as duas partidas que fez fora de casa, contra Linense e Ponte Preta. O duelo também será recheado de atrações. A principal deles é Luca Lima encarando seu ex-clube pela primeira vez.

O jogo ainda poderá ter a estreia de Gustavo Scarpa pelo lado verde e também marcar a volta de Gabigol no Peixe.

Porém, no que depender do primeiro treino realizado por Roger antes do clássico, o torcedor terá que esperar um pouco mais para ver Scarpa começar uma partida jogando. No treino realizado na Academia de Futebol, o técnico fez apenas uma mudança em relação ao time que bateu o Bragantino por 2 a 0 [VIDEO], no domingo passado, colocando Victor Luis, que havia sido poupado, na lateral esquerda no lugar de Michel Bastos.

O treino coletivo começou com Jaílson no gol, Marcos Rocha na lateral direita, a dupla de zaga formada por Antônio Carlos e Thiago Martins, com Victor Luis na lateral esquerda. Felipe Melo e Tchê Tchê de volantes e Lucas Lima, Willian e Dudu completando o meio de campo, com Borja no ataque.

Durante as atividades, Roger fez uma mudança tática, deslocando Willian para o ataque no lugar do colombiano e colocando Keno na ponta direita.

Com esses trabalhos, a tendência é que Gustavo Scarpa inicie a partida no banco de reservas teve ao final do treino uma conversa em particular com o treinador.

Fala Bigode

Em um campeonato estadual, vencer um clássico tem tanta importância quanto até mesmo ser campeão. Nesta quinta-feira (1º), o atacante William deu entrevista na Academia de Futebol, quando respondeu a questionamentos sobre o primeiro grande jogo do Palmeiras em 2018. Ele destacou o peso da partida, porém lembrou que seu resultado não decide o Campeonato. “Vencendo (o clássico), isso nos gera confiança. Porém, não decide nada para a sequência do campeonato”, analisou.

Antes de encarar o Santos, o Verdão vem de uma sequência de quatro vitórias seguires, contra Santo André, Botafogo, Red Bull Brasil e Bragantino. O time é líder do grupo B com 12 pontos.