Em Barcelona, estão todos muito preocupados com o futuro do atacante francês Ousmane Dembelé. O craque que chegou do Borussia de Dortmund, continua sem se impor no time e parece que ele está esgotando a paciência de todos, desde a torcida até a diretiva. Após algumas lesões, o craque parecia finalmente recuperado, mas mostrou no último jogo contra o Getafe que ele ainda não está nada adaptado ao estilo de jogo do Barça [VIDEO]. Como exemplo, ele chegou em agosto no Barcelona e ainda não fez qualquer gol. Pelo contrário, Paulinho que até foi muito contestado por estar jogando na China, não custou nem metade que o francês, joga mais recuado no campo, de meia, e já soma oito gols, sendo mesmo um dos melhores marcadores do time, por detrás das super estrelas Leo Messi e Luis Suárez.

Dembelé preocupa

Por isso, não é de estranhar que no Barça, exista muita preocupação com o futuro de Ousmane Dembélé. No vestiário do clube, as dúvidas já foram levantadas sobre a conveniência de manter um jogador no plantel que muitos temem se tornar um negócio ainda mais ruinoso do que Arda Turan. Dembelé teve que passar por cirurgia em setembro, quando parecia que ia agarrar um lugar junto de Suárez e Messi. A grave lesão estragou sua progressão. No entanto, ele só recebeu contestação, quando retornou, em janeiro, e se lesionou novamente, fazendo crescer as suspeitas de uma péssima condição física.

Chegada de Coutinho complicou

Dembelé custou 105 milhões de euros e é a segunda contratação mais cara da história do time catalão, perdendo somente para Philippe Coutinho, em uma chegada que pode ter comprometido, em definitivo, o futuro de Dembelé no Barça.

O francês foi contratado para ocupar a posição deixada vaga por Neymar, mas Valverde foi obrigado a mudar. O treinador espanhol teve que adaptar um novo ataque, que já não é tridente, mas sim um duo, com Suárez e Messi. A chegada de Coutinho [VIDEO] pode colocar o craque brasileiro mais próximo dos dois amigos sul americanos e as coisas ficam muito complicadas para Dembelé.

E vem aí Griezmann...

E tudo pode piorar mais ainda no próximo mercado de transferências, quando um outro francês vai se mudar para a Catalunha, estando quase tudo acertado com Antoine Griezmann, que seria, quase de certeza o terceiro elemento no ataque, com Coutinho descendo mais para o meio-campo, ocupando o lugar que a torcida imagina para ele: a sucessão do mítico Andres Iniesta.

Solução para Dembelé

Assim, encontrar uma saída bem sucedida para Ousmane Dembélé é, no momento, umas das maiores preocupações do Barcelona. O time sabe, desde já, que ninguém vai pagar os 105 milhões de euros por ele e que se a decisão for vender, o Barça vai sempre perder dinheiro nesse negócio.

Porém, a única possibilidade que eles teriam, de acordo com a imprensa inglesa, é a venda para o Arsenal, onde ele tem um grande admirador: Arsène Wenger. O jovem atacante tem todas as características que o treinador francês mais admira.

També Pierre-Emerick Aubameyang se tornou um grande defensor de Ousmane Dembélé no Arsenal e o gabonês gostaria de se encontrar novamente no ataque, junto do ex-companheiro de equipe no Borussia Dortmund. Arsène Wenger quer transformá-lo em uma nova versão de Thierry Henry, mas o Arsenal, que está investindo novamente no time, só está disposto a pagar cerca de 60 milhões de euros para a transferência.

A solução parece, no entanto, devastadora tanto para o Barcelona, que perderia muito dinheiro, mas também para Dembelé, que sairia fracassado desta sua aventura. Resta saber como vai terminar o processo desgastante com o jovem francês.