Aos poucos, o Fluminense vai encontrado seu melhor futebol e o técnico Abel Braga começa a colher os frutos de seu trabalho tão logo teve mais tempo para colocar seu elenco para treinar. Depois da goleada na semana passada sobre o Salgueiro pela Copa do Brasil, nesta quarta-feira (21), o Tricolor voltou a vencer bem, quando jogando em Moça Bonita, venceu o Bangu por 4 a 0, na abertura da Taça Rio.

Publicidade
Publicidade

Todos os gols da partida foram anotados no segundo tempo.

Mesmo tendo que atuar em um gramado muito ruim, o Fluminense começou o duelo tomando a iniciativa e procurando o gol, porém encontrava dificuldade de infiltrar na área adversária. Bangu, por sua vez, apostava no contragolpe para tentar surpreender o adversário, como em um lance aos 24 minutos, em que Jadson deu um carrinho preciso e salvou o time das Laranjeiras de sofrer o primeiro gol da partida.

Publicidade

Aos 30’, foi a vez de Almir cabecear por cima do gol de Júlio César, perdendo outra grande chance para o Bangu.

A situação para o Bangu começou a ficar ruim aos 45 minutos do primeiro tempo, quando o zagueiro derrubou Gilberto na meia lua e recebeu cartão vermelho. Sornoza cobrou falta, tirando da barreira e Célio Gabriel espalmou, a bola bate na trave e saiu.

A diferença de um homem a mais começou a aparecer mesmo já no começo do segundo tempo.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
PaixãoPorFutebol Fluminense

Logo aos 2 minutos, Marlon avançou pela esquerda, cruzou na área e Marcos Júnior subiu como um centroavante para cabecear a bola na gaveta e abrir o placar. Quatro minutos depois, a vantagem foi dobrada quando a bola sobrou para Marcos Júnior, que driblou o zagueiro Oliveira, ajeitou para a canhota e colocou no cantinho baixo direito para fazer seu segundo gol na partida.

O terceiro gol do Fluminense veio aos 29 minutos, quando Sornoza recebeu de Marlon e, de primeira, deu passe em profundidade para Robinho na ponta esquerda da grande área.

O atacante bateu para o gol e, no rebote do goleiro Célio Gabriel, Pedro só teve o trabalho de empurrar para a rede e correr para o abraço. E ainda deu tempo para Marlon Freitas deixar o dele aos 39 minutos do segundo tempo. Ele se infiltrou na área e recebeu passe sensacional do lateral-esquerdo Marlon. O volante dominou a bola e colocou no ângulo esquerdo para transformar o placar em goleada e dar números finais ao duelo.

Publicidade

Os dois times voltam a jogar no próximo sábado (24). Em Cuiabá, o Fluminense tem o clássico diante do Flamengo às 17 horas. Meia hora antes, o Bangu encara o Macaé fora de casa.

Bangu: Célio Gabriel; Valdir, Michel, Oliveira e Guilherme; Magno, Rodney, Almir (Anderson Penna) e Leonardo Jesus (Marcos Júnior); Everton Sena e Nilson (Anderson Lessa). Técnico: Alfredo Sampaio.

Fluminense: Júlio César; Renato Chaves (Robinho), Gum e Ibañes; Gilberto, Richard (Reginaldo), Jadson, Sornoza e Marlon; Marcos Júnior (Marlon Freitas) e Pedro.

Publicidade

Técnico: Abel Braga.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo