O Sport Club Corinthians Paulista foi superado na 7ª rodada do estadual, nesta quarta-feira à noite (14), em sua primeira partida atuando em casa, pelo São Bento, de Sorocaba [VIDEO], por 1 a 0. Após ficar impedido de jogar em Itaquera devido à reforma no gramado, o Timão não teve um bom desempenho em seu retorno.

Mesmo com a estreia de Henrique e o retorno de Danilo, o #Corinthians errou grande quantidade de passes e não foi eficiente na frente para balançar as redes. Ao todo, foram 53 erros de passe e 559 acertos, maior resultado do time no Campeonato Paulista no que se refere ao fundamento, tanto para o lado negativo quanto para o positivo.

Este número de equívocos na construção de jogadas superou, inclusive, o confronto anterior contra o Santo André, 45 toques inexatos, dando a bola nos pés do adversário. Na sexta-feira, dia 9, o Ramalhão havia ganhado dos comandados de Fábio Carille, por 2 a 1, no Estádio Bruno José Daniel.

O confronto com o Esporte Clube São Bento, presenciado por 14.493 pagantes, trouxe o segundo revés seguido ao atual campeão brasileiro, mas não o tira da liderança do grupo A. Atualmente, ele tem 12 pontos, e o Bragantino, segundo colocado, 8.

Há 31 anos os sorocabanos não triunfavam encarando os corintianos. A última vez havia sido no dia 12 de agosto de 1987, em sua cidade. Com o feito obtido, a equipe fica com 12 pontos, em segundo lugar do grupo B. Esta é sua segunda vitória sobre um grande da capital, nesta edição do torneio.

A anterior ocorreu sobre o São Paulo, por 2 a 0, na primeira rodada da competição, dia 17 de janeiro.

Para este duelo na Arena Corinthians, os anfitriões subiram para campo com Cássio, Fagner, Balbuena, Henrique, Juninho Capixaba, Gabriel, Marquinhos Gabriel, Rodriguinho, Jadson, Romero e Júnior Dutra.

Seu oponente, treinado por Paulo Roberto Santos, há dois anos e seis meses, técnico com maior permanência no cargo, contabilizando as séries A,B,C e D, veio com Rodrigo Viana, Régis Souza, João Paulo, Luizão, Marcelo Cordeiro, Fábio Bahia, Maicon Souza, Diego Felipe, Celsinho, Lucas Crispim e Anderson Cavalo.

História do jogo

Quem partiu para cima no início foi o Corinthians. Aos 10 minutos do primeiro tempo, Romero tentou aproveitar cruzamento de Júnior Dutra, mas não chegou a tempo. Com 19’, Marquinhos Gabriel arriscou. Depois de driblar Marcelo Cordeiro, ele finalizou e a bola passou perto da trave.

No único lance, até então, para o São Bento, aos 23’, em cobrança de escanteio, saiu o gol.

Lucas Crispim bateu e João Paulo cabeceou sozinho para fazer 1 a 0. Pouco depois, aos 32’, quase os visitantes aumentaram a vantagem, mas, desta vez, Cássio defendeu a cabeçada.

Celsinho aos 34’ também tentou ampliar para o Ramalhão com um carrinho, após cruzamento da esquerda de Anderson Cavalo, mas não conseguiu desviar a bola para a meta do Alvinegro. Na etapa final, o time do Parque São Jorge ficou mais tempo com a bola no campo de ataque, mas não conseguiu transpor a defesa de Sorocaba para empatar o espetáculo.

Um lance bem representativo do que foi a dificuldade para tentar passar da marcação aconteceu aos 22’. Após cobrança de escanteio, houve um bate-rebate dentro da área e ninguém pôde concluir para o gol. Em seguida, a zaga do time do interior afastou o perigo.

A resposta veio aos 29’ em um contra-ataque puxado por Régis. Ele entortou Clayson com um belo drible e cruzou rasteiro para Léo Itaperuna, sozinho, com o canto aberto, perder o gol de pé esquerdo, mandando para fora.

Na última chance do confronto, aos 41’, Romero quase conseguiu igualar o placar. Rodriguinho chegou à linha de fundo e levantou para área. O paraguaio chegou testando firme no meio do gol, mas a bola foi defendida pelo goleiro Rodrigo Viana. Com 49’, o árbitro Flávio Rodrigues de Souza encerrou o jogo.

Próximos compromissos

  • São Bento e Botafogo de Ribeirão Preto, no Walter Ribeiro, dia 18, às 19h30 (horário de Brasília).
  • Red Bull Brasil e Corinthians, no Moisés Lucarelli, dia 19, às 20h. (horário de Brasília).

Substituições

  • São Bento - João Paulo por Rogério, Celsinho por Léo Itaperuna, e Anderson Cavalo por Lucas Farias.
  • Corinthians - Jadson por Camacho, Marquinhos Gabriel por Clayson, e Gabriel por Danilo.

Cartões amarelos

  • Visitante - Maicon Souza, Henal, Marcelo Cordeiro, Lucas Farias, Fábio Bahia.
  • Casa - Júnior Dutra e Camacho.
#FutebolBrasileiro #Campeonato Paulista