Florentino Pérez não para, e já está preparando a nova temproada, que poderá ter vários reforços chegando a Madri. O presidente do Real Madrid já tentou de tudo para fechar a contratação de Harry Kane, do Tottenham, mas parece que ainda falta entendimento com o presidente do clube inglês. Por isso, é sem surpresas que o presidente do Real vai abrindo novos caminhos e olhando para novas possibilidades. O último nome revelado, e que poderia se juntar a Cristiano Ronaldo, no ataque, no próximo ano é também um astro da Premier League, e um dos nomes mais surpreendentes dessa temporada.

Publicidade

Cristiano já ficou sabendo que o Real Madrid está tentando a nova estrela do Liverpool, Mo Salah. O jogador egípcio do Liverpool está ganhando toda a afeição do presidente do Real Madrid, como uma alternativa a Kane, caso o Tottenham tornar a operação impossível, ou até como complemento ao inglês. Pérez até já teria imaginado um ataque brutal com CR7, Kane e Salah.

Salah, de 25 anos, é a grande sensação da equipe inglesa, e é um dos maiores artilheiros da temporada, podendo mesmo se intrometer na luta pela Bota de Ouro.

Salah, que até ganhou o prémio de melhor jogador africano de 2017, é um jogador muito diferente de Harry Kane. Enquanto o atacante do Tottenham é mais forte e fixo na área, Salah é mais móvel e veloz, tendo em comum, com o inglês, o facto de fazer muitos gols. São também os dois muito jovens e, por isso, têm ainda muito para dar ao futebol.

Salah tem números impressionantes nessa temporada e, estatisticamente, ele está fazendo uma temporada melhor que Cristiano Ronaldo, por exemplo. Ele tem 31 gols e 11 assistências assinadas, o que é incrível e que, certamente, vai trazer várias propostas no final da temporada.

Publicidade

No momento, o Real parece que segue na frente da corrida pelo egípcio de Anfield Road, mas também se sabe como é difícil negociar com a equipe da terra dos Beatles.

Depois dos 'reds' venderem Philippe Coutinho por 160 milhões de euros, e vários meses depois do que o Barça estava esperando, é normal que o valor de Salah também saia bem inflacionado. No Real, eles estão pensando em um valor próximo dos 100 milhões de euros, mas a palavra acabará por passar para o lado dos ingleses.

No entanto, antes de todas essas inscrições, o Real Madrid deve enfrentar a resolução final da temporada atual, onde tem apenas uma opção para jogar: a conquista da décima terceira Champions League.

Um título que seria histórico para os brancos, conseguindo sua terceira vitória consecutiva, tornando-se a primeira equipe na história a fazê-lo com o formato atual. O próximo passo é assegurar a vantagem de 3 a 1, em Paris, em um Parque dos Príncipes que não vai ver jogar sua maior estrela, o brasileiro Neymar.