Mesmo depois de uma vitória importante em Sevilha, o jogo não terminou da melhor forma para o Real Madrid. Supostamente, Cristiano Ronaldo deixou o jogo enfurecido e voltou a não cumprimentar Zidane na substituição. No entanto, quando o craque saiu faltavam poucos minutos para o jogo terminar e nem teria sido esse o motivo de sua indignação contra o treinador francês. A verdade é que as coisas entre as duas estrelas estão cada vez mais 'azedas' e no vestiário do Real [VIDEO]está se temendo o pior.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Futebol

Cristiano odeia ser trocado

Cristiano Ronaldo [VIDEO]é muito competitivo e gosta sempre de atuar os noventa minutos e assim poder deixar sua marca. Por isso, ele sempre se incomoda quando o treinador o faz sair um pouco mais cedo.

Como o jogo estava aparentemente resolvido, Zidane teria aproveitado para fazer descansar o atacante português, chamando Benzema a jogo, ainda a tempo de fazer um gol. Porém, Cristiano não está acostumado a ver o jogo do banco e parece que não gosta nem um pouco de o fazer. Na saída, ele não se cruzou com o treinador, mas assim que o encontro terminou, o craque estaria irritado com ele, mas não pela substituição, aparentemente.

Furioso com a gestão de Zidane

O astro estava irritado e teria mostrado um gesto torcido quando o jogo entre o Real Madrid e o Real Betis, em Sevilha, acabou. Cristiano estava, afinal, afetado pela lesão de Marcelo. O brasileiro teve que deixar o jogo na primeira parte devido a problemas musculares, e no momento, sua presença em Paris está em dúvida, para o jogo de volta da Champions.

Apesar de o Real ter uma boa vantagem, de 3 a 1, no primeiro jogo, Zidane precisa contar com todos seus melhores jogadores e a ausência de Marcelo seria uma perda muito complicada de gerir para o treinador.

Sem alternativa a Marcelo

Cristiano sabe que o time não tem alternativa a Marcelo e não escondeu sua preocupação. O craque estava indignado, porque ele acredita que a equipe técnica é parcialmente culpada por essa lesão. Marcelo carrega muitos jogos e faz demasiados minutos. Mais cedo ou mais tarde, isso teria que acontecer. E agora, os madrilenos poderiam ter que enfrentar uma partida decisiva sem um dos melhores e mais influentes jogadores, o que seria muito mau para o time.

Cristiano é muito claro que Zidane não confia em Theo Hernández. Essa é a razão pela qual Marcelo rodou tão pouco nas últimas semanas, fazendo quase todos os minutos, mesmo quando os jogos já estão decididos. Agora, existe a possibilidade do jovem francês ter que ser chamado a titular, e ficar frente a frente com Mbappé e companhia. Na opinião de Cristiano, Zidane precisava ter gerido melhor Marcelo, cujos problemas físicos são bem recorrentes. Claro que ir a Paris sem o brasileiro não parece uma boa ideia, e Cristiano não conseguiu esconder sua indignação.

Apesar da importante vitória em Sevilha, essa lesão de Marcelo ficou pairando e não permitiu grandes celebrações.