No seu 100º jogo na história do Nilton Santos, o Fluminense [VIDEO] realizou a sua melhor partida em 2018 e não teve qualquer problema para garantir sua presença na terceira fase da Copa do Brasil ao golear, na noite desta quinta, o Salgueiro-PE por 5 a 0.

O Tricolor espera o confronto do dia 22 de fevereiro, no estádio Alfredo Jaconni, em Caxias do Sul, na Serra Gaúcha, entre Juventude-RS e Avaí-SC, para saber quem será o seu próximo adversário na competição nacional. Antes, na quarta que vem, às 16h30 (de Brasília), irá ao estádio de Moça Bonita para medir forças contra o Bangu pela rodada de abertura da Taça Rio, terceiro turno do Campeonato Carioca.

O resultado começou a ser construído logo aos nove minutos do primeiro tempo. Depois de tabelar com Jádson, Sornoza, o melhor em campo, deu um belo passe para Gilberto. O zagueiro do Salgueiro-PE ainda tentou cortar, mas a bola chegou ao lateral-direito que dominou e fuzilou sem chances para Mondragon.

Apesar da vantagem, o Fluminense manteve o ritmo e, aos 19, em nova bela assistência de Sornoza, Marcos Júnior recebeu livre, mas precisou finalizar três vezes para vencer o goleiro pernambucano e ampliar o marcador.

Com 2 a 0, o Tricolor diminuiu um pouco o ritmo, permitindo que o Salgueiro, em dois chutes da entrada da área, obrigasse o goleiro Júlio César a trabalhar.

Na volta do intervalo, Marcos Júnior, com um pequeno incômodo muscular, ficou no vestiário. Em seu lugar, o técnico Abel Braga colocou Robinho e, aos 10 minutos, o camisa 11 justificou a sua entrada ao dar um cruzamento na área para Sornoza enganar a defesa com um corta-luz de cabeça, Pedro dominar no peito e deixar Gilberto, da marca do pênalti, bater de canhota: Flu 3 a 0.

Aos 21, veio o quarto. Lançado pela esquerda, Marlon avançou e tocou para Sornoza. Como um autêntico meia, o equatoriano apenas rolou para Robinho estufar as redes. A bola ainda tocou na zaga antes de entrar.

O quinto poderia ter acontecido com Pedro, que desperdiçou duas belas oportunidades. Na maior delas, recebeu sem marcação dentro da área, mas pecou na hora de finalizar. Para compensar a ineficiência nas conclusões, o jovem centroavante, aos 42, deu um passe milimétrico e Sornoza, com enorme categoria, apenas rolou para definir o jogo.

Na saída do gramado do Nilton Santos, o zagueiro Renato Chaves fez questão de ressaltar a evolução do Fluminense [VIDEO] nesses dois primeiros meses da temporada.

"A gente está evoluindo cada vez mais. Vamos dar nosso máximo em cada jogo e enaltecer nossas vitórias", frisou o defensor.

Público

A vitória de 5 a 0 do Fluminense sobre o Salgueiro teve uma renda de R$ 69.280,00 e um público presente de 2.930 torcedores, sendo 2.560 pagantes.