O centroavante Gabriel fez sua reestreia com a camisa do Santos no último sábado (10), quando atuou no empate em 2 a 2 contra a Ferroviária, em Araraquara, pela sexta rodada do Campeonato Paulista [VIDEO], tendo, inclusive, marcado um dos gols. Agora, o jogador se prepara para outro momento especial, quando nesta quarta-feira (14), contra o São Caetano, reencontrará a Vila Belmiro depois de mais de um ano e meio. Para celebrar o momento, o camisa 10 fez um pedido especial à torcida santista.

“Espero que a Vila esteja lotada e que a torcida possa incentivar a gente, precisamos dela”, disse o jogador já convocando os torcedores.

E motivos não faltam para ele considerar o lugar especial, uma vez que a Vila é o estádio onde ele mais atuou e também onde marcou seu primeiro gol como jogador profissional.

Apesar do Santos ter perdido para o Bragantino no primeiro jogo que fez por lá nesta temporada, na lembrança de Gabigol estão as vitórias contra os principais e rivais e ele acredita que o campo santista ainda faz a diferença. “Sabemos que a Vila é forte e não podemos perder esse costume”, disse. “Esperamos fazer da Vila um alçapão mais uma vez”, completou.

E o time precisará mesmo contar com toda a sua força para superar o momento de instabilidade no Campeonato Paulista. O Peixe somou apenas dois dos últimos nove pontos disputados, o que lhe custou a primeira posição do grupo D. O time agora é o vice-líder com oito pontos, um a menos que o Botafogo.

O Red Bull aparece em terceiro com sete.

Lateral segue dando dor de cabeça

Desde que Zeca entrou em litígio [VIDEO] com o Santos, a lateral esquerda tem se apresentado como um grande problema para a equipe. Ainda no ano passado, a antiga diretoria foi buscar Romário, que então havia se destacado na Série B jogando pelo Ceará, porém precisou apenas de duas partidas, contra Linense e Bragantino, para o jogador ser sacado do time titular, dando lugar a Caju, porém este não vem agradando e com isso o técnico Jair Ventura poderá improvisar um jogador na posição.

E o treinador já vem considerando isso há algum tempo. No final de três partidas desta temporada, Jair tem colocado Copete para desempenhar essa função e por enquanto ele não tem se saído mal e não será surpresa se o colombiano iniciar a partida diante do São Caetano. Jean Mota também pode ser uma das opções. A carência de um bom jogador para a lateral esquerda tem feito a diretoria do Santos olhar o mercado em busca de um novo nome.