A quarta foi bastante positiva para o Fluminense [VIDEO]. O ponto máximo ficou para a boa estreia na Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca. Aproveitando a vantagem de jogar com um homem a mais desde o fim do primeiro tempo, graças à expulsão de Michel, o Tricolor foi até o estádio de Moça Bonita e derrotou o Bangu por 4 a 0.

Os gols foram todos marcados na segunda etapa. Aos dois minutos, aproveitando cruzamento perfeito de Marlon pela esquerda, Marcos Júnior, apesar da pouca estatura, subiu mais alto de Guilherme e, de cabeça, tocou à direita do goleiro Célio Gabriel. Quatro minutos depois, o camisa 35 voltou a balançar as redes, dessa vez com um finalização de pé esquerdo, mandou no canto, sem qualquer oportunidade de defesa para o arqueiro banguense.

Aos 29 minutos, Robinho, que havia substituído Renato Chaves durante o intervalo, recebeu pela esquerda e finalizou. Célio Gabriel não segurou e Pedro apenas empurrou para fazer o terceiro. Faltando seis minutos para o encerramento, foi a vez de Marlon Freitas, que entrou no lugar de Marcos Júnior, receber belo passe de seu xará, o lateral-esquerdo Marlon, dominar e, na saída do goleiro, definir o placar.

Esse foi o o quarto jogo seguido que o Fluminense [VIDEO] deixou o gramado sem sofrer gols. Coincidente, essa marca foi atingida depois da implantação do sistema com três zagueiros. Um dos pilares do atual sistema defensivo tricolor, Gum atribuiu a fase positiva ao técnico Abel Braga.

"Temos essa alternativa que o Abel colocou, está dando certo. Estamos melhorando a cada treino, a cada jogo, mostrando evolução.

Mas não é só essa forma de jogar. O Abel tem outras também. Enquanto está dando certo, vamos continuar trabalhando com ela para corresponder dentro de campo e ter os resultados positivos que são as vitórias”, disse o camisa 3.

Líder do Grupo C com três pontos ao lado da Portuguesa-RJ, que, na última segunda, derrotou, em pleno Raulino de Oliveira, o Volta Redonda por 2 a 0, o Fluminense terá uma prova de fogo no sábado. A partir das 17h (de Brasília), na Arena Pantanal, em Cuiabá, encara o maior rival, o Flamengo.

Antes do compromisso pelo Estadual, no final da manhã, o Flu, por intermédio de seu representante na Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Marcelo Penha, participou do sorteio realizado na sede da entidade e soube que o jogo de volta da terceira fase da Copa do Brasil, contra Juventude-RS ou Avaí, será realizado na casa do futuro adversário. Nas etapas anteriores do torneio, a equipe das Laranjeiras passou por Caldense-MG e Salgueiro-PE.