Parece que a paciência com Cristiano Ronaldo [VIDEO] está chegando ao fim. Torcedores, diretiva e agora até os colegas parecem que estão se posicionando contra o melhor jogador do mundo de 2017. De acordo com o site Don Balón, os jogadores do #Real Madrid já não reconhecem na pessoa de #Cristiano Ronaldo o líder intocável da equipe, situação que continua contrastando com os 'vedetismos' do craque.

Cristiano Ronaldo furioso com Zidane

Os jogadores do Real continuam se sentindo muito incomodados com as constantes reações de desagrado de Cristiano Ronaldo. O jogador já nem esconde sua frustração e parece que continua culpando a todos, pelos desaires do time, como se nada tivesse que ver com ele.

No último encontro, Ronaldo foi substituído por Zidane, já na parte final do encontro, uma situação que não se verificava já há muitos jogos. O placar marcava 2 a 1 para o Real, um resultado muito perigoso, e o jogo estava longe de resolvido. Ronaldo não gostou de ser trocado e demonstrou sua frustração no banco.

Primeiro, ele nem cumprimentou o treinador no momento da substituição e passou por ele com um sorriso irónico no rosto, parecendo antever o que ainda poderia acontecer. Já no banco, seu ar furioso despertou a curiosidade dos câmeras que o continuaram seguindo e ele reagiu muito mal, novamente. Pediu silêncio com o dedo e apontou para o gramado, mandando as câmeras se focarem na partida e não na sua figura. Ele estava, visivelmente, de cabeça perdida e não conseguia esconder. Para piorar, o Real Madrid [VIDEO] sofreria mesmo o gol do empate, como Ronaldo parecia prever momentos antes.

No gramado, durante os encontros, Cristiano continua muito incomodado e discute com árbitros, colegas e torcedores. Ele não parece nada contente com a situação, o que seria compreensível. Afinal, ele está acostumado a vencer e a fazer mais gols, mas seu mau feitio está deixando seus colegas doidos. Por essa razão, existe já uma cisão no vestiário 'branco'. Alguns jogadores titulares aplaudiram a saída de Cristiano do time, contra o Levante, e pedem mesmo a Zidane que o coloque fora de jogo mais vezes, acreditando que o jogador não está acrescentando muito à equipe, até porque ele parece "contrariado" muitas vezes. Para muitos, ele é um dos apontados como a causa dos males do Real.

Jogadores aplaudem sua substituição

Alguns futebolistas como Isco, Marco Asensio, Nacho, Dani Carvajal e Toni Kroos consideram que o português deveria sair do Real Madrid, já que ele não parece nada contente e que está longe de ser preponderante na equipe.

A eles estão se juntando outros jogadores, embora com menos peso no time, como Borja Mayoral, Marcos Llorente ou Dani Ceballos, que também acreditam que a passagem de Ronaldo pelo Real deve chegar ao fim.

Problema é físico?

Por isso, alguns jogadores já vão revelando que Zidane precisava manter sua palavra e colocar sobre o gramado aqueles que são os melhores, e não os seus favoritos pessoais, em um momento em que crescem as dúvidas sobre a condição física de Ronaldo. O jogador faz muitos treinamentos à margem da equipe, somente no ginásio. Não se sabe se existe alguma lesão em específico ou se é cansaço físico, mas a verdade é que, aos 33 anos, o corpo de Cristiano Ronaldo parece estar começando a acusar algum desgaste. Entretanto, na opinião de muitos jogadores do Real, o craque perdeu o direito de ser intocável e se ele não está bem, ele deve ser substituído como qualquer outro. Contra o Levante, Zidane fez isso, mas a fúria de Ronaldo foi por demais evidente.

#Futebol