Fluminense e Flamengo fazem neste sábado (24), o mais charmoso dos clássicos cariocas, válido pela segunda rodada da Taça Rio. No entanto, diferente de outros tempos, quando mais de 100 mil torcedores das duas equipes dividiam meio a meio o estádio do Maracanã, o Fla-Flu será disputado bem longe do Rio de Janeiro [VIDEO]. Mais precisamente, na Arena Pantanal, às 17 horas.

Os dois times vivem bons, porém distintos momentos. Depois de um início de ano muito conturbado, devido a problemas financeiros e saída de jogadores, que se transformaram em maus resultados dentro de campo, impedindo o time de chegar até mesmo às semifinais da Taça Guanabara, o Fluminense deixou a má fase para trás e agora busca a quinta vitória consecutiva [VIDEO], entre estadual e Copa do Brasil.

Já o Flamengo segue invicto na temporada e depois do título da Taça Guanabara no final de semana passada, agora foca suas atenções na fase de grupos da Copa Libertadores da América e por conta disso irá para o clássico com um time alternativo, uma vez que já encara o River Plate na próxima quarta-feira.

Fluminense

Para o jogo deste sábad,o a boa notícia para o time de Abel Braga fica por conta da volta do lateral-esquerdo Ayrton Lucas, que ficou fora das duas últimas partidas do time e viajou com delegação, restando agora o treinador decidir pelo retorno do jogador ou pela manutenção de Marlon na posição. O zagueiro Ibañes, que teve até mesmo sua ida para Cuiabá colocada em dúvida, em razão de sintomas de uma gripe, melhorou e foi incluído na relação. Por outro lado, os volantes Douglas e Airton ficaram no Rio de Janeiro.

Dessa forma, Abel deverá começar a partida com Júlio César no gol, Gilberto na lateral direita, o trio de zagueiros formado por Renato Chaves, Gum e Ibañes, e Marlon (ou Ayrton Lucas) na lateral esquerda. Richard, Jadson e Sornoza completam o meio de campo. Na frente Marcos Júnior e Pedro.

Flamengo

No Flamengo, apenas o goleiro Diego Alves, dentre os jogadores que começaram o duelo contra o Madureira, será escalado, até porque este será apenas seu segundo jogo após retornar de cirurgia e por isso precisa ganhar ritmo de jogo.

Assim, o técnico Paulo César Carpegiani levará a campo Diego Alves, a defesa será formada por Kléber, Leo Duarte, Thuler e Trauco. O meio de campo terá Cuéllar, Romulo (ou Jonas) e Jean Lucas. Na frente Marlos, Vinicius Júnior e Felipe Vizeu. Maurício Machado Coelho Júnior será o árbitro da partida. Ele será auxiliado por Wagner de Almeida Santos e Jackson Lourenço Massara dos Santos.