O Palmeiras viajou até Campinas, interior de São Paulo, para enfrentar a Ponte Preta neste domingo pelo Campeonato Paulista. Durante todo o dia choveu muito na cidade, e o jogo correu risco de ter a data alterada. Mas com o passar das horas a situação foi melhorando, mas ficou longe, bem longe do ideal.

Com gramado pesado, principalmente pelo lado direito, o Verdão não saiu do 0 a 0. É o segundo empate. Na semana passada, no Allianz Parque, o Alviverde saiu duas vezes na frente do placar, mas permitiu que o Linense encerrasse os 90 minutos com empate.

Nos vestiários de Campinas, o técnico palmeirense Roger Machado não achou que a partida foi ruim.

Pelo contrário. O palmeirense elogiou a disposição dos jogadores e lamentou não ter balançado as redes. A melhor chance foi com o atacante Dudu que, em lance com Lucas Lima, virou e chutou a bola bem perto da trave.

Clássico em Itaquera

A próxima rodada promete balançar corações na cidade de São Paulo. Corinthians e Palmeiras se enfrentam em Itaquera, na Arena Corinthians. Nas duas vezes que se enfrentaram ano passado, deu rival. O Palmeiras, com cabeça leve e time mais reforçado, quer vencer seu segundo clássico no ano e manter a caminhada rumo à invencibilidade e ao título.

O jogo será no próximo sábado às 17h e deve ter transmissão da Globo.

E Borja? Joga ou não joga?

A situação do colombiano Miguel Borja é um pouco complicada. O atacante sentiu dores antes do duelo contra [VIDEO] o Mirassol e mesmo assim jogou.

As dores persistiram, e ele entrou contra o Linense e assinalou duas vezes. Contra a Ponte Preta, a comissão técnica em conjunto com o Departamento Médico decidiram deixá-lo de fora para execução do tratamento. O jogador postou fotos e vídeos da recuperação, com eletrodos colado no local das dores para tentar minimizar o problema.

Os médicos estão otimistas que ele possa jogar no próximo domingo [VIDEO] contra o Corinthians. Porém, para isso, precisa não sentir mais dores na região e fazer pelo menos dois treinamentos com o grupo. O Palmeiras se reapresenta nesta terça-feira e inicia a preparação para o grande jogo do final de semana.

Se Borja tiver condições, Willian retorna para o banco de reservas. Alejandro Guerra deve seguir como titular. Outra mudança estrutural deve ser na lateral. Michel Bastos volta para a reserva e Victor Luiz, mais consistente nos passes, retoma a vaga.

Gustavo Scarpa segue como opção e ainda está longe do ideal para brigar por uma vaga entre os titulares.