Depois de uma manhã sem novidades, a tarde e a noite desta sexta foram bastante agitadas no Fluminense. Antes do treino, mais uma vez realizado no CT Pedro Antônio, o gerente-executivo Paulo Autuori conversou com os jornalistas. Inicialmente, o dirigente fez questão d exaltar o trabalho da atual gestão. Segundo ele, os bastidores do clube possuem profissionais altamente capacitados e o presidente Pedro Abad é uma pessoa única no meio do Futebol.

"Ponho em causa meus 43 anos de carreira para afirmar que nesse tempo tive pouquíssimas pessoas como ele (Pedro Abad). Íntegro, transparente e de um caráter ímpar. Acho que o que se faz algumas vezes com pessoas do futebol é uma covardia", declarou.

Após esse breve pronunciamento, o gerente-executivo abriu para as perguntas dos setoristas. Questionado sobre a chegada de novos reforços, Autuori garantiu que eles virão, mas tudo dentro do orçamento estabelecido no início do ano.

"O maior reforço que o Fluminense [VIDEO] poderia ter era cumprir seus compromissos. A partir daí pensamos em outras situações. Abel terá os jogadores que ele quer e que todos almejam no departamento de futebol desde que estejam dentro da realidade do clube", esclareceu.

Dentro desse projeto, o Fluminense [VIDEO] confirmou, logo após o fim da entrevista de Paulo Autuori, a contratação do goleiro Rodolfo, que estava no Atlético-PR. Ele vem ao Rio na segunda para realizar os exames médicos e, em seguida, assinar um vínculo até o fim de 2018. No mesmo dia, o lateral-direito Léo, que já participa das atividades normalmente junto com o elenco, também deve ser oficializado.

Ambos se juntariam aos confirmados Guillermo De Amores (goleiro), Gilberto (lateral-direito) e os volantes Jádson e Aírton.

Treino fechado encerra preparação para confronto diante do Macaé

Paralelo aos bastidores, o técnico Abel Braga comandou o último treino antes da importante partida de sábado, às 19h (de Brasília), no estádio de Los Larios, em Xerém, contra o Macaé, válida pela última rodada da primeira fase da Taça Guanabara. A atividade, mais uma vez fechada à imprensa, consistiu em um mini-coletivo de 50 minutos e, em seguida, um trabalho tático.

A escalação é um mistério, mas a tendência é que o atacante Robinho, que não participou da vitória de 1 a 0 sobre a Caldense na quarta passada, em Poços de Caldas, interior de Minas, pela Copa do Brasil por estar contundido, deve retornar normalmente ao time. Gum, recuperado de uma gastroenterite, também tem chances de ser aproveitado. Nesse caso, Junior Sornoza e Reginaldo iriam para o banco. Outro que deve ficar como opção é o goleiro De Amores, regularizado na quinta.

Na quarta posição do Grupo C com cinco pontos e, além de vencer o seu compromisso, precisando torcer por um empate entre Portuguesa-RJ e Boavista ou para uma derrota do Botafogo diante do Madureira, o Fluminense irá a campo tendo Júlio César; Gum, Renato Chaves e Ibañez; Gilberto, Richard, Jádson e Ayrton Lucas; Robinho, Marcos Júnior e Pedro.