Nas últimas semanas, alguns nomes foram especulados para reforçar a equipe do Santos, desde o meia argentino Lucas Zelarayán, até a possível volta de Marquinhos Gabriel e Geuvânio, porém, nenhum deles até o momento foi confirmado. O meia do Tigres até chegou a ficar perto da Vila Belmiro, porém o presidente do clube mexicano tratou de jogar um balde de água gelada na esperança dos torcedores santistas, cravando que o jogador, mesmo sendo pouco – ou quase nada – utilizado por lá, não sairá por empréstimo.

Enquanto essas negociações não são concretizadas e novos nomes não chegam, o técnico Jair Ventura se vê obrigado [VIDEO] a trabalhar com o que tem em seu elenco, e também olhar com mais atenção para as categorias de base.

Rodrygo foi um dos jogadores alçados que já tem dado conta do recado e já marcou dois gols no Campeonato Paulista. Agora chegou a vez do meia Gabriel Calabres, um dos destaques do Peixe na última edição da Copa São Paulo ganhar sua chance. Nesta quarta-feira (7), ele treinou pela primeira vez entre os profissionais.

Em entrevista à Rádio Santos, o jovem atleta de 19 anos comentou sobre como foi participar das atividades com o time de cima. “É uma nova vida agora. É focar sempre e fazer o que eu sempre fiz que vai dar tudo certo. Foi muito importante”, afirmou o jogador, que também destacou que o ambiente do elenco profissional é bem diferente do encontrado na equipe sub 20 .

Quem também ganhou nesta semana a primeira oportunidade de trabalhar junto aos profissionais foi o volante Guilherme Nunes, que foi capitão do Peixe na Copa São Paulo.

Seu estilo “cão de guarda” lhe rendeu comparações com Thiago Maia, atualmente no Lille, da França.

Os jogadores ainda estão sendo avaliados pelo técnico Jair Ventura. Se cair no gosto do treinador, poderão ser inscrito no Campeonato Paulista na lista de jogadores oriundos das categorias de base.

Um desfalque a menos

O técnico Jair Ventura poderá ter até oito desfalques para o jogo deste sábado [VIDEO] (10), contra a Ferroviária, pela sexta rodada do Campeonato Paulista, em Araraquara. Porém, neste meio de semana, o técnico ganhou uma boa notícia. Eduardo Sasha, que deixou o clássico contra o Palmeiras por conta de uma pancada na cabeça, treinou com bola nesta quarta-feira (7), no CT Rei Pelé, e deverá ficar à disposição.

O jogo contra a Ferrinha também deverá marcar a reestreia de Gabriel com a camisa santista. Ele até chegou a ser cogitado no jogo do último domingo (4), mas acabou ficando fora por ainda não estar em sua melhor condição física.