A vitória do Santos por 1 a 0 no clássico do último domingo (18), contra o São Paulo, em pleno estádio do Morumbi, em jogo válido pela oitava rodada do Campeonato Paulista, rendeu alguns comentários e provocações no Twitter. Um deles feito pela própria assessoria de imprensa santista.

Com o gol marcado aos nove minutos do segundo tempo, Gabriel fechou a trinca de ter marcado gol na casa dos principais rivais do Peixe, incluindo Allianz Parque e Arena Corinthians.

Publicidade
Publicidade

O fato não passou batido pelos santistas. No dia seguinte ao clássico, o perfil oficial do Santos FC publicou uma imagem no Twitter com a legenda “Dançando na casa dos rivais”, acompanhada de três fotos de comemorações do jogador, sempre dançando, cada uma contra um adversário. Abaixo das fotos outra legenda: “Mais alguém colecionando esse álbum? Bom dia, nação santista!”.

As provocações, no entanto, tiveram início ainda no domingo, quando, de maneira sarcástica, perfil santista respondeu a um comentário feito por um torcedor do São Paulo após a contratação de Gabriel.

Publicidade

Na postagem feita em 18 de janeiro, o torcedor escreveu: “Notícia boa para (a maioria) dos são-paulinos: Gabigol praticamente fechou com o Santos”. A resposta santista se resumiu a um “Ufa!”, acompanhado de várias mãos para o alto. Antes de fechar com o Peixe, Gabriel chegou a ser especulado como possível reforço do time do Morumbi para a temporada.

Ansiedade para a estreia

Agora, Gabriel quer dançar em estádios de outros países da América do Sul.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Santos PaixãoPorFutebol

Restando pouco mais de uma semana para a estreia na Copa Libertadores da América, o camisa 10 santista está muito ansioso para jogar o torneio continental pela primeira vez. “É uma grande novidade, estou muito ansioso. Sou santista e vi muitos jogos da Libertadores na Vila”, disse em entrevista coletiva.

As dificuldades financeiras enfrentadas desde o ano passado inibiram qualquer contratação de grandes nomes, e mais uma vez a base apareceu para dar suporte ao time de cima.

Prova disso é que no clássico do último domingo (18), contra o São Paulo, Jair Ventura utilizou oito jogadores pratas-da-casa, incluindo Gabriel, que fez o gol da vitória, e agora se propõe a ser um dos líderes do time no torneio continental. “Eu me vejo como líder do time. Mesmo jovem, passei por várias coisas. Tento ser exemplo dentro e fora de campo”, declarou o jogador.

Antes da estreia na Libertadores, no entanto, o Santos ainda joga pelo Campeonato Paulista, no próximo domingo (25), quando recebe o Santo André, na Vila Belmiro, buscando a terceira vitória consecutiva na competição.

Publicidade

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo