O Palmeiras encara o Corinthians neste sábado em Itaquera, Zona Leste de São Paulo. O jogo é válido pelo Campeonato Paulista e já está tomando proporção enorme. Aliás todos os clássicos, chamados de Derby, tomam tal proporção. O duelo para a cidade e divide corações. Mas, na arena Corinthians, só corintianos poderão acompanhar o grande jogo deste final de semana.

Pelos lados do Verdão, o técnico Roger Machado prepara a equipe. Existe possibilidade de Michel Bastos ser mantido na lateral-esquerda se a tendência dos treinos se confirmar.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Futebol

O atacante Miguel Borja deve seguir no comando do ataque após ser poupado do duelo contra a Ponte Preta, onde o Palmeiras saiu com empate em 0 a 0.

Adversário definido

Ontem não teve jogo do Verdão, mas um evento atraiu a atenção da torcida palestrina: o jogo entre Júnior Barranquilla e Guarani do Paraguai.

O empate em 0 a 0 classificou o Júnior para a fase de grupos e para o grupo onde o Palmeiras está inserido. Portanto no dia primeiro de março, o Verdão viaja para a Colômbia onde fará sua estreia na competição continental.

Mudança confirmada!

A Copa Libertadores foi perdendo atrativos ao longo dos anos. A desorganização e os atos de corrupção da Conmebol, entidade que faz a gestão da competição, acabaram destoando. A quantidade de times que disputam o torneio também é ponto chave de discussões em todos os países. Será que todas essas vagas são realmente necessárias?

Nesta sexta-feira, porém, a entidade revelou e confirmou mudança que estava prevista, mas desacreditada pelos órgãos [VIDEO] de imprensa sulamericanos. A partir de 2019, a Libertadores será decidida em jogo único. Ou seja, os times que se classificarem para a final terão apenas uma oportunidade de tentar levantar a taça.

De acordo com notícias e informações de bastidores, o Peru corre por fora para abrigar a primeira decisão. Então se um clube brasileiro for para a final no próximo ano, os torcedores que quiserem acompanhar esse grande feito terão que se deslocar até o país vizinho para assistir.

A Conmebol não explicou certamente os motivos da decisão, mas torcedores discutem nas redes sociais que a entidade quis copiar [VIDEO] a Champions League, que tem uma única oportunidade para decidir o título.

O Palmeiras não se manifestou. Mas internamente dirigentes palmeirenses sempre foram contra tal decisão da Conmebol. O jogo único não permite deslizes e acaba sendo desigual, já que não tem a possibilidade de decidir com estádio cheio. Dificilmente final fora do país atrairá multidões.