O meia armador de jogadas, o chileno Valdívia, já foi camisa 10 do Palmeiras e se tornou ídolo da torcida após ter boas atuações, mas também foi muito criticado pelo período em que ficou inapto para atuar nas partidas e acabou passando muito tempo no Departamento Médico do Palmeiras.

O jogador teve seu último retorno ao Palmeiras em 2010, sendo essa a segunda passagem dele pelo clube, que somente acabou em 2015, mas o jogador acabou sendo muito criticado porque durante este tempo ficou boa parte da passagem no DM e quando se recuperou já estava de saída do clube.

Parte da torcida ainda defende o retorno do atleta, porém, o jogador acabou irritando os palmeirenses ao entrar na Justiça contra o clube e pedir uma bagatela de R$ 1,4 milhão.

Oferta do Verdão

O Palmeiras contratou o jogador em 2010 e quem supostamente intermediou a negociação foi uma empresa do Al Ain (EAU), porém, existe a acusação de que o próprio jogador teria intermediado a própria negociação, mas o Palmeiras é cobrado por uma comissão que não foi paga à empresa, na época.

A diretoria alviverde ainda briga judicialmente com o atleta e ofereceu uma garantia para se caso o jogador ganhe a ação judicial, pois em garantia da quitação da dívida ofereceu os direitos do atleta Willian "Bigode".

O meia se irritou com a oferta do Palmeiras, uma vez que o clube poderia optar em deixar o atleta em vez do dinheiro.

Somente o que interessa ao chileno, no momento, é o dinheiro e a quitação da dívida com a empresa que fez a intermediação na época do retorno do ídolo ao clube alviverde.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Palmeiras

Vai voltar?

O jogador já tem 34 anos, mas ainda vive um bom momento no futebol, sendo, inclusive, o titular camisa 10 da Seleção Chilena, portanto ainda existe a especulação de que jogador poderia voltar para o Palmeiras.

Porém, as chances do atleta voltar ficaram muito pequenas com as chegadas de muitos reforços jovens no Palmeiras, assim, se o atleta voltasse ao alviverde, acabaria ficando no banco de reservas e não sendo utilizado.

Além do mais, a relação entre diretoria e atleta fica um pouco conturbada depois dessa briga judicial, assim prejudicando também o relacionamento do ídolo com o torcedor palmeirense, que sempre fica irritado com acusações contra o alviverde da capital.

Ainda há uma chance da ação judicial ser revertida e o Palmeiras conseguir provar que foi Valdívia quem intermediou a própria negociação, mas o clube não se pronuncia sobre o assunto.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo