O Palmeiras voltou a vencer no Campeonato Paulista. Depois de quatro rodadas sem vitória, o Verdão bateu o São Paulo no Allianz Parque por 2 a 0. E só não fez mais porque tirou o pé. Jogando bem e invertendo bolas, o time comandado por Roger Machado teve chances de ampliar ainda mais o placar.

O atacante Dudu foi remanejado para a direita e perturbou os defensores do São Paulo. Borja se manteve bem colocado e inclusive marcou um dos gols. O primeiro gol foi marcado pelo zagueiro Antônio Carlos, de cabeça, após cobrança de escanteio.

Após a partida, Roger elogiou bastante a entrega dos jogadores e fez elogio especial ao lateral Victor Luiz.

Recém-chegado do Botafogo-RJ após fim do empréstimo, o jogador voltou em boa forma e jogando bem. Contra o São Caetano, recebeu algumas vaias por falhas pontuais, mas recuperou o prestígio totalmente contra o São Paulo. Marcou, chutou e deu um belíssimo voleio antes de Borja arrematar a bola no segundo gol. Cumpriu a função tática e foi além.

Mercado da bola no Palmeiras

Classificado para as quartas de final do Paulistão [VIDEO] e com começo forte na Libertadores da América (venceu o Júnior Barranquilla por 3 a 0 fora de casa), o Palmeiras pensa ainda em mais reforços. A ideia é tornar o time ainda mais forte para a disputa do Campeonato Brasileiro e, caso se classifique, para a disputa das fases seguintes do torneio continental.

Alexandre Mattos, executivo de Futebol, esteve na França recentemente ao lado de Leila Pereira, dona da Crefisa [VIDEO], para acompanhar o duelo entre PSG e Real Madri.

Eles encontraram com o pai de Neymar antes da partida e conversaram bastante. Mattos quer um zagueiro para o segundo semestre e sondou Jemerson, do Monaco. Valorizado, o executivo teve acesso aos valores e se assustou com a pedida. A negociação segue.

Outro atleta que está no radar de Mattos é Bernard, do Shakthar Donetsk, da Ucrânia. O ex-atacante da seleção brasileira terá seu contrato encerrado em junho e poderá buscar outro clube. Bernard ainda não foi procurado e também não procurou dirigentes do clube para dialogar.

Entre o fim de 2017 e o começo de 2018, clubes asiáticos procuraram os empresários do atacante e ofereceram verdadeiras fortunas para contar com o seu futebol. No entanto, Bernard fez questão de negar as propostas e garantir que seguiria no futebol ucraniano até o fim do contrato. A imprensa ucraniana acredita que o desejo do atleta seja retornar ao Brasil, e é justamente aí que entra o trabalho de Mattos.

A decisão sobre a busca por Bernard deve terminar antes da Copa do Mundo.