O brasileiro Arthur pode, finalmente, descansar, pois já tem acordo com o Barcelona. O time catalão anunciou ter chegado a esse princípio de acordo pelo meia brasileiro do Grêmio, e vai pagar mais de 30 milhões de euros pelo passe do jovem de 21 anos. No entanto, a chegada de Arthur poderia promover uma saída do time, [VIDEO] por um problema administrativo. E parece que é Yerry Mina quem vai pagar a fatura.

Barcelona em problemas

Yerry Mina deve partir se Arthur chegar ao Barça, até porque o passaporte português de Philippe Coutinho não chegará até janeiro de 2019, de acordo com o site Don Balón.

O clube terá, por isso, excedente de extra-comunitários, pelo que o Barça procura soluções. A assinatura de Arthur pode levar à partida de um dos jogadores nessas condições e tudo indica que Yerry Mina será o escolhido.

O Barcelona só pode contar com três jogadores fora da comunidade europeia e já tem todas as vagas preenchidas: Paulinho, Yerry Mina [VIDEO]e Coutinho. Neste trio, os dois brasileiros estão tendo uma maior influência do que Mina e, por essa razão, será o colombiano a ficar fora da lista de inscritos na próxima temporada, para que Arthur possa entrar. O Barça ativou a formalização do passaporte português para Coutinho, através de sua esposa que tem essa nacionalidade, mas eles sabem que não chegará até janeiro de 2019 como indicado.

Mina pode ter que sair do Barcelona

Fontes próximas ao jogador de futebol também deixam isso claro, embora estejam fazendo tudo o possível para diminuir os tempos.

No Barça também estão cientes da situação, então eles estão procurando soluções. A ideia inicial seria incorporar Arthur em janeiro de 2019, como também era o desejo do Grêmio. Isso abriu a possibilidade de obter o passaporte de Coutinho e o time ficaria completo, com Coutinho abrindo uma nova vaga. No entanto, parece que o passaporte vai demorar mais do que o esperado e, dessa forma, Arthur até poderia ser integrado, já em julho de 2018, sendo que Yerry Mina teria que sair.

No clube, estão conscientes do progresso do zagueiro, mas a realidade é que ele não teve muitos minutos no gramado. Mina vai jogar a Copa do Mundo, na Rússia, e ele já tem inúmeras equipes interessadas em sua transferência. O Barça valoriza muito o futebolista e então a prioridade seria um empréstimo para ele se adaptar no futebol europeu. Na verdade, o clube está rastreando o mercado e já está procurando por mais um zagueiro. Piqué e Umtiti são intocáveis, enquanto Vermaelen agrada muito a Valverde, mas ele tem apenas um ano de contrato, e é um jogador muito limitado por suas lesões. Se Mina sair, claro que o Barcelona teria que procurar por nova solução, mas eles estão ainda deixando a possibilidade de sair o passaporte de Coutinho, para abrir a porta para Arthur.