Se contratador por um grande clube de Futebol, ainda mais com a história e a tradição do Santos, é o sonho de qualquer jogador de futebol. Muitas vezes, ainda menino, já se conheça a dar os primeiros chutes nos campinhos de terra e de noite sonha-se com a assinatura do primeiro contrato profissional, a apresentação oficial e o primeiro contato com a torcida.

O equatoriano Jackson Porozo é um dos que conseguiu realizar esse objetivo. Porém, terá que ter um pouco mais de paciência para concretizar a última etapa desse projeto de carreira. Contratado recentemente pelo Peixe, o zagueiro é esperado na Vila Belmiro nos próximos dias, mas como atuará inicialmente no time B, terá que esperar até agosto para entrar em campo de forma oficial, época em que começa a ser disputada a Copa Paulista, competição que o Alvinegro vem jogando nos últimos anos.

Para contar com o jogador, o Santos teve que vencer a concorrência do rival Palmeiras. Mesmo tendo uma oferta melhor do time verde, Jackson teria dito que preferiu o Peixe porque o Alvinegro é conhecido em seu pais [VIDEO], enquanto que o Verdão não. Clubes europeus como Porto (Portugal), Ajax (Holanda), Augsburg (Alemanha) e Genk (Bélgica) também demostraram interesse no jogador de 17 anos, mas ele descartou ir para o Velho Continente nesse momento.

O jogador, que tem 1,93 metro de altura, chegará ao Peixe por um valor considerado baixo pela diretoria. O Manta, time da segunda divisão do Equador onde ele jogava, ficará com parte dos direitos econômicos. “É muito menos (gasto) do que formar jogador com o tempo”, afirmou o presidente do Peixe, José Carlos Peres, em recente entrevista.

Feliz, atacante quer ficar

Eduardo Sasha foi uma das contratações do Santos para a temporada de 2018.

Vindo por empréstimo do Internacional até o final da temporada, o atacante disse que está muito feliz na Vila Belmiro e não escondeu o desejo de permanecer para o ano que vem.

As chances de se concretizar aumentaram consideravelmente após o presidente José Carlos Peres afirmar que irá exercer a prioridade de compra do jogador. "Já estava feliz pelo momento e pelas chances de permanecer. Com essa declaração, fiquei mais feliz ainda”, disse o jogador.

Ele comentou as declarações dadas pelo mandatário santista, que também afirmou que pretende estender o empréstimo de Gabriel. A fase de Sasha com a camisa alvinegra é muito boa. Em 16 partidas pelo clube, ele balançou as redes em seis oportunidades.