Anúncio
Anúncio

Mais uma vez, o fantasma do desmanche pode voltar a assombrar o São Paulo. Depois de perder peças importantes no começo da temporada, o Tricolor corre o risco de ver um de seus principais titulares tomar o rumo da Europa neste meio de ano. Segundo informações reveladas pelo comentarista da ESPN Brasil Jorge Nicola, um grupo de empresários viajou até Portugal para negociar o lateral Júnior Tavares com Porto ou Sporting.

A iniciativa do grupo teve autorização da diretoria do Tricolor e o objetivo da ida deles até o velho continente é adiantar conversas que já tinham sido iniciadas por telefone. Caso haja acerto, o jogador deixaria o time paulista logo após a Copa do Mundo, quando será novamente aberta a janela de transferência europeia.

Anúncio

Ainda de acordo com o jornalista, um investidor está interessado em comprar parte dos direitos econômicos do jogador na expectativa que ele se valorize e possa lucrar em uma nova venda para outro clube mais forte da Europa. Além dos times portugueses, existem ainda mais duas equipes interessadas, as quais o São Paulo conversa diretamente: Rennes, da França, e também o Apoel, do Chipre.

As negociações com o Rennes é fruto da bola relação de Raí com os franceses, que oferecem o triplo do salário que o jogador recebe no Tricolor. Os times já até mesmo chegaram a trocar alguns documentos, mas os brasileiros solicitaram algumas mudanças no contrato. Como a janela de transferência ainda está fechada, no time francês, por enquanto, participaria apenas de treinos e amistosos.

Anúncio

Já o Apoel chegou a sondar o lateral ainda no início do ano. Eles propunham primeiramente o empréstimo com a opção de compra e os valores agradaram o staff do jogador, no entanto, o presidente Leco não concordou com a transferência e o Júnior Tavares seguiu no Morumbi, onde começou a temporada como titular, perdeu espaço, mas voltou a jogar nas últimas rodadas do Campeonato Paulista, após a demissão do técnico Dorival Júnior.

Poupou titulares

Um dia após a vitória por 1 a 0 sobre o Corinthians, no primeiro duelo das semifinais do Campeonato Paulista, parte do elenco do São Paulo já estava de volta aos trabalhos nesta segunda-feira (26). Apenas jogadores reservas participaram das atividades.

Anúncio

Nesta terça-feira (27), o técnico Diego Aguirre comandará o último trabalho antes do jogo decisivo contra o Corinthians, quarta-feira (28), às 21h45, em Itaquera. O Tricolor joga pelo empate para chegar à decisão do Campeonato Paulista, algo que não acontece desde 2003, uma vez que no título de 2005 o campeonato foi jogado em pontos corridos. Vitória do alvinegro por um gol de diferença levará a disputa para as penalidades.