A estreia do técnico Diego Aguirre no comando do São Paulo não foi a desejada. Em jogo que abriu a fase de quartas de final do Campeonato Paulista, o Tricolor foi até o Estádio Anacleto Campanella, no ABC, nesse sábado (17), e voltou de lá com uma derrota por 1 a 0 para o São Caetano.

O resultado obriga o Tricolor a vencer por dois gols de diferença na próxima terça-feira (20), no Morumbi, ou devolver a diferença de um gol para levar a decisão para as penalidades.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Futebol

Visivelmente insatisfeito com o resultado e também com o desempenho do time, o diretor-executivo de Futebol do São Paulo, Raí, deu entrevista após a partida [VIDEO].

O ex-jogador iniciou dizendo que aquela era uma tarde triste, que o time não apresentou bom desempenho e também não teve poder de reação.

Ele entende que o novo treinador precisa de tempo para implantar seu trabalho, mas mandou um recado para os jogadores. “O São Paulo tem uma missão dentro de casa [VIDEO], tem que se impor, ir para cima, virar o placar e tentar se manter na competição”, disse.

Na entrevista, Raí foi perguntado se houve falha de planejamento com relação a contratação de jogadores. Sem querer admitir ou negar o questionamento, ele se limitou a dizer que novas contratações virão. “Obviamente vamos buscar mais opções pensando na temporada como um todo”.

Ele disse ainda que a equipe teve um desempenho técnico muito baixo, o que não permite uma profunda análise técnica. “Tecnicamente o time estava ruim, então não deu para avaliar mais a fundo”, encerrou.

Temos que melhorar

O técnico Diego Aguirre também falou após a derrota do Tricolor para o Azulão.

Admitindo que o time teve uma apresentação muito ruim. O novo treinador afirmou que a equipe terá que melhorar muito para a próxima partida, terça-feira (20), no Morumbi. Ele também se mostrou preocupado com a atuação da equipe. “Eu sei que não é um bom momento, que temos que fazer muitas coisas para melhorar”, disse.

Sobre as mudanças que fez na equipe, como a entrada de Nenê no lugar de Marcos Guilherme, Aguirre justificou afirmando que por serem jogos decisivos e conhecer pouco o elenco, buscou colocar na equipe jogadores mais experientes. “Pensei que colocar jogadores com experiência seria bom”, afirmou.

O técnico também foi questionado sobre a atuação de alguns jogadores, como do goleiro Jean, que teria falhado no gol que deu a vitória aos donos da casa. Sobre isso, o uruguaio preferiu não fazer análises individuais e também não assegurou que manterá esse mesmo time. “Vamos analisando o rendimento, quem estiver melhor vai jogar”, disse.